segunda-feira, 1 de setembro de 2014

praça da serrinha da prata, abandono total !

Moradores,visitantes e usuários da praça que fica localizada no povoado serrinha da prata em Saloá-PE reclamam do abando. segundo relatos calçada com buracos, bancos quebrados, luminárias com defeito são as principais reclamações dos que usam aquele espaço, usuários aproveitando da grande quantidade de acessos do nosso blog pedem para que as autoridades competentes tomem as devidas providencias pra que a praça volte a ser um dos pontos mais elogiados daquele povoado.
Vale lembrar que alguns relatos dão conta de que a ultima reforma feita naquele espaço foi na administração anterior ou seja a praticamente 2 anos. 
veja algumas fotos e comprove :

repare pra a proteção de lampada






repare para a proteção de lampada


Luiz Carlos de Oliveira Ex-prefeito de Garanhuns terá que devolver mais de R$ 850 mil

O Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) julgou irregular as contas da gestão municipal do ex-prefeito de Garanhuns, no Agreste. O exercício financeiro julgado foi o de 2011, período de gestão de Luiz Carlos de Oliveira. Com isso, o ex-gestor terá que devolver R$ 866.602,46 aos cofres públicos. Os ex-secretários de Educação e de Turismo também terão que devolver, junto com o prefeito, R$109.500 e R$29.950, respectivamente.
De acordo com a assessoria de imprensa do TCE, o voto do relator Carlos Pimentel foi acatado por unanimidade pelos integrantes da Primeira Câmara. "Foram encontradas, entre outras irregularidades, diversas despesas realizadas sem os devidos processos licitatórios, e ausência da devida comprovação efetiva da entrega de produtos e da prestação de serviços, referentes à locação de veículos para transporte de estudantes, de merenda às escolas municipais e da contratação de serviços funerários. Também foi identificado que os veículos utilizados para transporte dos estudantes eram inadequados", explica o departamento.
A assessoria informou também que outros pontos que levaram à decisão são referentes à "inexigibilidade fora das hipóteses legais em relação à contratação de empresa para fornecimento de materiais pedagógicos para a Secretaria Municipal de Educação e a contratação de serviços de hospedagem, bem como a ausência da comprovação efetiva de sua prestação".
A decisão cabe recurso. Até o momento desta publicação, o G1 não conseguiu localizar os advogados do ex-prefeito.

Armando e João Paulo arrastam mais de 20 mil pessoas em Santa Cruz do Capibaribe

Armando e João Paulo arrastam mais de 20 mil pessoas em Santa Cruz do Capibaribe


O município de Santa Cruz do Capibaribe foi palco do maior e do mais expressivo ato dos candidatos Armando Monteiro (PTB) e João Paulo (PT) até esta etapa da campanha eleitoral. Mais de 20 mil pessoas, todas vestidas com camisas vermelhas, se aglomeraram na Avenida Cesário Aragão, neste domingo (31), para dizer que votam na chapa completa da coligação Pernambuco Vai Mais Longe. Em um gesto de entusiasmo, os moradores carregam o petebista pelos braços até o comício. Armando agradeceu o apoio e sentenciou: “Sou candidato a governador por causa do apoio dessa cidade e do povo de Pernambuco”.

Armando destacou que a sua relação com Santa Cruz do Capibaribe e região não iniciou nesta eleição. O candidato a governador enfatizou que sua ligação com o município remonta da época em que foi eleito ainda para o primeiro mandato de deputado federal, em 1998.

Armando também lembrou que à frente do SENAI Nacional, realizou um amplo programa de investimentos em escolas técnicas que também beneficiou Santa Cruz do Capibaribe, que recebeu uma escola voltada o setor de confecções, principal vocação econômica da região. Armando também lembrou que ao longo de seus mandatos parlamentares contribuiu com a viabilização do Santa Cruz Moda Center – o maior centro de vendas de confecções do Brasil -, entre outras ações em prol do crescimento da região.

“Nunca vim aqui para cobrar impostos de ninguém. Pelo contrário, vim para plantar o progresso dessa região”, cravou Armando Monteiro, enumerando as suas propostas de governo. Na saúde, o petebista afirmou que vai integrar toda a rede estadual e criar clínicas para exames laboratoriais e de imagem. Na educação, Armando garantiu que vai dar atenção especial aos professores. Aos micros e pequenos empresários, o candidato enfatizou que vai prover o melhor ambiente tributário para ajudar no crescimento do setor.

“Quando vocês forem votar só peço uma coisa: a minha eleição só vai ser completa se o povo também votar em João Paulo para senador”, pediu Armando, arrancando aplausos da população.

Candidato a senador, João Paulo frisou que Armando Monteiro vai fazer um governo olhando para as necessidades do povo. “Vocês tenham certeza de que Armando vai olhar para o Agreste, para os micros e pequenos empresários, para a população mais humilde, enfim, para todos, sempre pensando o melhor de Pernambuco”, discursou o petista.

Eleito senador junto com Armando em 2010, o petista Humberto Costa (PT) defendeu o legado dos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e da presidente Dilma Rousseff (PT). O parlamentar salientou a necessidade da manutenção do projeto nacional que vem mudando Pernambuco e o Brasil nos últimos 12 anos. “Pernambuco e o Brasil não podem voltar atrás e parar. Tem que eleger Armando Monteiro, João Paulo e a presidente Dilma”.

sábado, 30 de agosto de 2014

“Paulo Câmara precisa explicar relações com a empresa envolvida na compra do avião”

O deputado federal Paulo Rubem Santiago (PDT), membro da Frente Parlamentar de Combate à Corrupção, cobrou nesta sexta-feira (29) explicações sobre o Caso Bandeirantes, envolvendo a empresa Bandeirantes Renovação de Pneus, que recebeu incentivos fiscais durante a gestão de Paulo Câmara na Secretaria estadual da Fazenda. A Bandeirantes está envolvida numa operação nebulosa de pagamento do avião utilizado pela campanha presidencial do PSB e que vitimou o ex-governador Eduardo Campos.
“É preciso esclarecer à sociedade que relações foram estabelecidas entre Paulo Câmara, então Secretário, e a empresa, na condição de pré-candidato e depois candidato a governador de Pernambuco”, ressaltou Santiago.
O deputado faz indagações sobre o porquê de o ex-secretário ter concedido incentivos fiscais, nunca dados antes nas condições asseguradas por ele, a uma empresa cujos sócios haviam sido denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) por crimes financeiros e de sonegação fiscal, que ensejariam 55 anos de reclusão.
Na época em que Paulo Câmara beneficiou a Bandeirantes, seu dirigente já era réu, acusada pelo MPF de ter sonegado cerca de R$ 100 milhões. “Como é que o ex-secretário da Fazenda aceita conceder incentivos a uma empresa nessas condições, dois anos depois de ter sido denunciada? E três anos após receber o benefício, esta mesma empresa se envolve agora na operação de compra do avião”.
“É preciso saber também se Paulo Câmara, como pré-candidato ou candidato, viajou nos aviões da empresa, um LearJet, até maio, e o Cesnna, de propriedade do sr. Apolo Santana Vieira”, questionou Rubem.

Ex-prefeito de Brejão é condenado por fraude em licitação

A Justiça Federal em Pernambuco (JFPE)  condenou o ex-prefeito de Brejão, no Agreste de Pernambuco. Joseraldo Rodrigues da Silva é acusado de ter fraudado um procedimento licitatório realizado em 2005. Outros três membros que trabalhavam na comissão de licitação do município e o empresário favorecido também foram condenados.
De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério Público Federal (MPF), a licitação foi de um convênio entre o município e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para reformar o Mercado Público Municipal de Brejão. "Após fiscalização da Controladoria Geral da União (CGU), no entanto, foram constatadas várias irregularidades no procedimento licitatório, como a inexistência de documentação da habilitação fiscal das empresas participantes e a falta de projeto básico da obra", explica o departamento.
A assessoria informou também que um inquérito da Polícia Federal verificou outros problemas como "a participação da mesma pessoa física representando empresas diferentes na mesma licitação, não publicação do edital em jornais de grande divulgação e a participação de empresa fictícia no procedimento".
A condenação foi de dois anos de detenção e pagamento de multa, as quais foram substituídas por penas alternativas. Os reús poderão recorrer.

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Dilma e Marina empatadas com 34%; Aécio tem 15%

Pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial, divulgada nesta sexta-feira (29), indica uma situação de empate entre a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e a ex-senadora Marina Silva, candidata do PSB. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, vem o senador Aécio Neves (PSDB), com 15%. Na pesquisa anterior do Datafolha, divulgada no último dia 18, Dilma tinha 36%, Marina, 21% e Aécio, 20%.
Na simulação de segundo turno entre Dilma e Marina, a ex-senadora alcançou 50% contra 40% da presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma, 43%.
No levantamento desta sexta, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2%. Os outros sete candidatos somados têm 1%. Segundo o levantamento, os que disseram votar branco ou nulo são 7%, mesmo percentual dos que não sabem em quem votar.
Veja os números do Datafolha para a pesquisa estimulada (em que uma cartela com a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):
Dilma Rousseff (PT): 34%
Marina Silva (PSB): 34%
Aécio Neves (PSDB): 15%
Pastor Everaldo (PSC): 2%
José Maria (PSTU): 0% *
Eduardo Jorge (PV): 0% *
Luciana Genro (PSOL): 0% *
Rui Costa Pimenta (PCO): 0% *
Eymael (PSDC): 0% *
Levy Fidelix (PRTB): 0% *
Mauro Iasi (PCB): 0% *
- Brancos/nulos/nenhum: 8%
- Não sabe: 9%(*) Os candidatos indicados com 0% são os que não atingiram 1% das intenções de voto; somados, os sete têm 1%.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo". O Datafolha fez 2.874 entrevistas em 178 municípios nestas quinta (28) e sexta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.
A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00438/2014.


quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Armando e João Paulo arrastam multidão em caminhadas no Coque e em Roda de Fogo

Caminhada no Coque - Crédito da foto: Leo Caldas/Divulgação
Armando e João Paulo arrastam multidão em caminhadas no Coque e em Roda de Fogo
 
Líder em todas as pesquisas de intenções de voto para governador de Pernambuco, Armando Monteiro (PTB) promoveu, nesta quarta-feira (27), duas grandes caminhadas em comunidades do Recife. Acompanhado da militância aguerrida em busca de votos e dos companheiros de chapa Paulo Rubem Santiago (PDT), o candidato a vice, e João Paulo (PT), candidato a senador, Armando visitou o Coque, à tarde, e a Roda de Fogo, à noite. Os dois eventos arrastaram mais de quatro mil pessoas, num trajeto total de mais de quatro quilômetros.

A cada cumprimento dos moradores, Armando, Paulo Rubem e João Paulo receberam palavras de incentivo para fazer Pernambuco avançar ainda mais e declarações de apoio e voto no dia 5 de outubro. Toda essa recepção positiva da população em torno da chapa majoritária é mais um indicativo da aceitação da candidatura de Armando e João Paulo para o governo do Estado e Senado.

Mesmo diante de uma militância empolgada, o que Armando, Paulo Rubem e João Paulo observaram durante a caminhada foram cenas desoladoras, reflexos de uma cidade e de um Estado que precisam urgentemente de gestão para reverter os problemas cotidianos do povo.

No Coque, por exemplo, a população reclamou da falta de moradias, de merenda escolar de qualidade e de oportunidades de emprego. Já em Roda de Fogo, o que se viu foi a falta de saneamento básico adequado, além de manutenção das ruas e passeios públicos.

“Há muita cobrança (da população) em função das muitas promessas que foram feitas. Há um misto de intolerância com essa coisa, mas, ao mesmo tempo, há sempre uma renovação de esperança e expectativa”, avaliou Armando Monteiro, acrescentando: “Apesar disso, a campanha vai ganhando animação, eu estou muito animado para vencer a eleição”.

Há três anos sem conseguir um emprego formal, Ducila dos Santos reclamou que falta apoio do Estado para ampliar as oportunidades para a população. “Estou parada todo esse tempo e o que me salva é o Bolsa Família. Se não fosse isso, eu e minha família não seríamos nada. O governo não ajuda, falta qualificação e empregos”, desabafou a moradora.

Já o comerciante Ernani Simões enfatizou que é preciso promover uma mudança política no Estado. “Esse governo que está aí já deu. Agora é Armando. É preciso haver essa mudança. A gente vê que o governo passado foi bom, mas Armando é o melhor para poder fazer mais”.

Admiradora do PT, a dona de casa Janaina Souza, de Roda de Fogo, fez um pedido a Armando e João Paulo durante a caminhada pela comunidade. “Eu quero material de campanha de Armando e João Paulo para enfeitar a minha casa e o meu quarto. Eu tenho certeza que, com Armando, vamos ganhar essa eleição”, animou-se.

Para João Paulo, as caminhadas inauguram o momento de “invadir” as ruas do Recife. “E termos retomado em Roda de Fogo e no Coque é muito significativo. São duas comunidades que quando fui prefeito nós ajudamos muito. Fizemos muitas obras de infraestrutura, creches, escolas, a limpeza das ruas. O que senti é um reconhecimento muito grande quando fui prefeito, um carinho da população e, por outro lado, um reclamo dos desmandos da atual gestão em relação à limpeza, merenda escolar, à falta de material”, avaliou o petista.