quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Fisioterapia Motora da UPAE Garanhuns é destaque em programa de rádio

A UPAE Garanhuns conta com uma equipe de fisioterapeutas, prontos para atendimento e reabilitação de diversas patologias. Os atendimentos mais comuns, realizados na Unidade são os tratamentos de dor em geral, ligados a doenças reumatológicas, como problemas na coluna (hérnia de disco), joelhos (artroses e artrite), ombros (tendinite) e tornozelos (esporão). Ainda são realizadas reabilitações em pós-operatórios de fraturas em geral, seqüelas de Acidente Vascular Cerebral e em crianças com microcefalia, paralisia cerebral e atrasos no desenvolvimento.

A equipe é composta por profissionais qualificados; Natalya Vaz, Pamella Sá, Gleydson Almeida e Izabelly Sales. Estes dois últimos foram os convidados do mês da UPAE, para participarem do programa Consultório, com a jornalista Samara Pontes, na Rádio Jornal Garanhuns, onde responderam a questionamentos dos ouvintes sobre "A Fisioterapia Motora". O programa alcançou mais de 3.000 visualizações pelo Facebook.

SAIBA MAIS: Para conseguir atendimento na Unidade, as pessoas devem procurar os Postos de Saúde mais próximo de suas residências. Caso o médico entenda que é necessário encaminhar para um de nossos especialistas, as secretarias de saúde dos municípios fazem o agendamento da consulta através da regulação regional.



Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Onda de assalto em Saloá-PE é destaque em sites da região, veja.

O blog agreste mix noticiou mais um assalto veja a matéria do blog:  


Homens armados invadem e assaltam clientes e funcionários do mercado Mãe Tico em Saloá

Aconteceu mais um assalto ao mercado Mãe Tico no município de Saloá, dessa vez no mercado que fica na Rua Juscelino Kubitschek. Segundo as primeiras informações dois ditos-cujos chegaram armados e colocaram uma pistola no rosto de um dos funcionários, onde o mesmo correu para o fundo do estabelecimento, segundo áudio que circula nas redes sociais os meliantes levaram todo dinheiro que estava no caixa e uma moto de um cliente. 

Só para lembrar “o mercado Mãe Tico da Coab só à semana passada foi alvo de dois assaltos”, até agora nada da policia prender os assaltantes que continua aterrorizando a população. 



Ja o site de Wellington Freitas destacou a onda de assaltos, veja a matéria do site :

A situação da segurança pública na nossa cidade de Saloá, está insustentável, inaceitável, um verdadeiro caos. O terror está solto pelas ruas, a população cada vez mais assustada, começa a perder a esperança e crítica durante as autoridades municipais e o descaso do governo do estado com a cidade, que tem hoje um verdadeiro mini presídio.

No Início da noite desta segunda-feira (29) pela terceira vez em um intervalo de pouco mais de 7 dias, o mercadinho de Manoel Gracindo, foi assaltado por meliantes armados com revolveres. Dessa vez (mais uma vez), a dupla chegou no mercadinho localizado no bairro José Rodrigues e anunciaram o assalto. Além de levar o dinheiro do caixa, levaram também (novamente) uma moto tipo BROS, de um cliente que estava fazendo compras no estabelecimento.
Esse é o terceiro assalto a rede de mercadinhos Mãe Tico. Assaltaram um dos mercadinhos nos dias 19, 26 e 28 de agosto. Neste intervalo de tempo, tivemos em Saloá o roubo de 06 mercadinhos, 02 motos, 01 casa de jogos eletrônicos e vários celulares. Pessoas estão sendo assaltadas na saída de cultos religiosos e a caminho das escolas. A situação está insuportável.
Enquanto isso, o município recebeu na última semana uma viatura 0km, para o efetivo da polícia militar (que foi motivo de muita propaganda) e a população enfurecida pergunta: Cadê os polícias? Do que adianta viatura, sem policiais? De que adianta policiais, se os mesmos não têm condições de trabalho? Saloá está vivendo um verdadeiro toque de recolher implantado pela bandidagem. Então eu lhe pergunto: Quem será a próxima vítima nesta terça ou quarta-feira? Será que vão esperar alguém ser assassinado para tomarem providências?

Mesmo com a onda de assaltos que estamos vivenciando, a polícia militar e/ou polícia civil não implantou quaisquer aparatos especiais para conter a criminalidade. Só que a culpa não é dos policiais, é de quem comanda as políticas públicas voltadas para a segurança pública. A polícia não tem combustível suficiente para fazer uma patrulha decente na nossa cidade, essa é a verdade! O efetivo é muito pequeno! E os governos que comandam nossa cidade não estão nem aí.

Saloá possui uma guarda municipal, só que o poder de uma guarda municipal é limitado, além de cumprem ordens do governo do município, enquanto um guarda tem um cassetete o bandido vem com uma pistola ou sei lá o quê. O governo municipal parece não se importar com a situação. Não se importa ou não sabe de nada?

Gabiam-se da proximidade e amizade com o governo estadual, só estão blindando esse governo por questões políticas e escondem a situação que Saloá vive. Cumpram o papel que se espera de vocês. Cobrem não, exijam uma solução imediata, O povo é quem está sofrendo, e muito.

E a cadeia pública de Saloá? Cadeia pública não, um mini presídio! Uma cadeia construída para abrigar aproximadamente 30 presos de Saloá, hoje vive superlotada com uns 100 presos, com a bandidagem de Saloá, Águas Belas, Paranatama, Iati, Garanhuns... Então quer dizer que Saloá é quem paga esse fardo pesadíssimo?

Todos esses presos têm familiares e muitas dessas famílias fixam residência na periferia da cidade, pois precisam levar comida para os presos. Trazendo para nossa “segura” cidade seus “camaradas e comparsas”, fazendo com que a criminalidade aumente...

Vou parar por aqui...preciso ir trabalhar!


O blog do Carlos Alex também destacou, veja:


EXCLUSIVO: EM SALOÁ VIATURA CHEGOU MAIS A POLÍCIA NÃO!


Essa imagem tem repercutido nas redes sociais nos últimos dias em SALOÁ, no agreste Pernambucano. Segundo internautas esta imagem  (Acima) é uma critica a Pública segurança pública da Cidade e por parte do Governo do Estado de Pernambuco por meio da Secretaria de Segurança Pública .

As críticas da População da Pequena Cidade de SALOÁ é devido a grande onda de assalto que vem ocorrendo no Município nos Últimos dias, devido tanta insegurança os moradores, Comerciantes estão assustados e pedem providências das Autoridades para que a Tranquilidade e paz voltem no município.
Devido tamanha Violência na Cidade algo curioso vem chamando a atenção de todos é  a imagem (acima) que tem a Frase "Viatura chegou mais a Polícia não". Como força de protesto para que as autoridades acordem e Homem providências,  outras Cidades da Região também vem passando por isso como GARANHUNS que populares ja não se sentem mais seguros em poder sair de suas residências até uma padaria com medo de serem assaltadas.   GOVERNADOR PERNAMBUCO QUER SEGURANÇA,  PERNAMBUCANO PEDE PAZ. 


O site agreste violento também noticiou assalto em Saloá, veja: 

ASSALTO EM MERCADINHO NA CIDADE DE SALOÁ/PE

Dois elementos utilizando uma motocicleta Fan na cor preta praticaram um assalto a um mercadinho, no Jaqueirão em Saloá/PE.
O assalto ocorreu por volta das 18h30m de sábado (26/8).  Os bandidos estavam armados de revólver e roubaram um acerta quantidade em dinheiro e uma motocicleta NXR Bros, 150, de cor vermelha e placa OYZ-2231/PE.
O policiamento da cidade realizou diversas buscas aos assaltantes, mas não foram obtidos êxito.

Ao lado do prefeito Anderson Ferreira, Armando visita futuro Centro Administrativo

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) visitou, na tarde desta segunda-feira (28), o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR). No encontro, o petebista ofereceu sua disposição em colaborar com a gestão municipal, destravando projetos e ações públicas de interesse do município junto aos ministérios, em Brasília. Na ocasião, Anderson apresentou um balanço do governo e o futuro Centro Administrativo, que entrará em pleno funcionamento nos próximos 90 dias.

O complexo oferecerá à Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes mais eficiência e produtividade, além de gerar economia aos cofres municipais. Segundo o prefeito Anderson Ferreira, o município vai estima economizar cerca de R$ 2 milhões nos próximos quatro anos, com a entrega de 24 imóveis que, hoje, são alugados para acomodar os órgãos municipais. O futuro centro possui 11 mil metros quadrados e vai receber mil funcionários de todas as secretarias.

“Pude testemunhar o dinamismo e a forma como o prefeito Anderson Ferreira vem dando os primeiros passos em sua gestão. A iniciativa do complexo é muito oportuna. Poder instalar um Centro Administrativo utilizando uma área já existente, ao meu ver, vai oferecer um ganho extraordinário à gestão, do ponto de vista da produtividade e integração. Tudo isso vem ao encontro do perfil do prefeito, que é um gestor jovem e tem revelado a sua capacidade política e administrativa”, afirmou o senador. Em 2016, Armando apoiou a candidatura vitoriosa de Anderson Ferreira.

“O senador Armando Monteiro sempre acreditou que a nossa gestão poderia fazer a diferença, em Jaboatão. Ele acompanhou a nossa trajetória política e, nos momentos de desafios, sempre contamos com seu apoio. Esse Complexo Administrativo que apresentei na visita que fizemos hoje será mais um exemplo de otimização dos trabalhos", destacou o prefeito Anderson Ferreira.

Na visita, acompanharam o senador Armando Monteiro os deputados federais Jorge Côrte Real (PTB) e Ricardo Teobaldo (Podemos) e os deputados estaduais José Humberto Cavalcanti – presidente estadual do PTB – e Sílvio Costa Filho (PRB), além de secretários municipais.

PELA MANHÃ – Em Caruaru, o senador Armando Monteiro participou da cerimônia de entrega de 2.404 apartamentos dos conjuntos residenciais Luiz Bezerra Torres I e II, no Alto do Moura. Na ocasião, o petebista destacou a importância de se fortalecer e ampliar o programa Minha Casa Minha Vida, com o objetivo de minimizar o déficit habitacional no Brasil e em Pernambuco. O evento contou com as presenças dos quatro ministros pernambucanos, da prefeita Raquel Lyra (PSDB), os ex-governadores João Lyra Neto e Joaquim Francisco, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), além de deputados federais e estaduais e prefeitos.

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Porta-voz do UNICEF para crianças com deficiência participa De reunião da Frente Parlamentar na Alepe - 27.08.17

Lucy Meyer, atleta paraolímpica norte-americana, visita Alepe para defender políticas de qualidade para crianças e adolescentes com deficiência

A porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para crianças com deficiência, a jovem americana Lucy Meyer, estará em Pernambuco, entre os próximos dias 24 e 30, para conhecer iniciativas ligadas às Olimpíadas Especiais no Brasil e a alguns dos programas do UNICEF pelos direitos das crianças com deficiência. Atendendo convite da deputada Terezinha Nunes (PSDB), e coordenadora da Frente Parlamentar em Defesa da Pessoa com Deficiência da Assembléia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Lucy Meyer participará  da reunião da semanal da Frente nesta segunda-feira (28), às 11h, no Plenarinho III, no edifício Miguel Arraes de Alencar.

As reuniões da Frente Parlamentar acontecem uma vez por semana na Alepe e são presididas por Terezinha Nunes. O encontro é suprapartidário e tem como objetivo principal promover um debate assertivo junto aos pleitos das pessoas com deficiências do Estado.


Porta- Voz da UNICEF participa de reunião na Alepe
Dia: segunda-feira (28)
Hora: 11h
Local:  Plenarinho III – Edifício Miguel Arraes de Alencar
Cordialmente,

sábado, 26 de agosto de 2017

investigações comprovam acusações de Sérgio Machado contra Temer

 O procurador-geral da República,Rodrigo Janot, afirma que investigações complementares da Lava-Jato comprovam acusação de que, a partir de um pedido do presidente Michel Temer ao ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, a empresa Barro Novo Empreendimentos, repassou R$ 1 milhão em propina para a campanha do candidato do PMDB à prefeitura de São Paulo em 2012 Gabriel Chalita. As informações sobre a suposta transação entre Temer, Sérgio Machado e a Barro Novo, empresa ligada a Odebrecht, estão na denúncia apresentada por Janot nesta sexta-feira contra o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP) e os senadores do PMDB Renan Calheiros (AL), Romero Juca (RR) e Valdir Raupp (RO), entre outros.
Temer só não foi denunciado porque está protegido pelo mandato presidencial. Pelo artigo 86 da Constituição, presidente da República não pode ser investigado por fatos anteriores ao mandato. Diante do impedimento legal, as informações relacionadas a Temer deixadas à parte para serem retomadas em uma nova investigação quando o presidente deixar o cargo. "Relativamente à suposta participação do presidente Michel Temer nos fatos envolvendo o pagamento de vantagem indevida pela empresa do grupo Odebrecht , a cláusula constitucional de imunidade do art. 86, § 4P, impede a adoção de providências a respeito. Já a possível ausência de outras pessoas ou fatos na denúncia não implica arquivamento implícito ou indireto", explica Janot.
Temer e os demais colegas de partidos citados pelo procurador-geral são suspeitos desviar dinheiro da Transpetro, subsidiária da Petrobras, com base na intermediação de Sérgio Machado. A partir da intervenção de Machado empresas faziam pagamentos a políticos do PMDB, parte deles camuflados como doações eleitorais. Em troca, obtinham contratos superfaturados com a Transpetro. Em delação premiada, Machado disse que a estrutura de desvios vigorou de 2003 a 2015, período em que esteve à frente da estatal. Ao longo estes anos, ele teria intermediado o pagamento de mais de R$ 100 milhões a Renan, Sarney, Juca, entre outros políticos da cúpula do PMDB.
Na delação premiada, o ex-presidente da Transpetro também narrou um pedido que teria recebido de Temer na Base Aérea de Brasília para a campanha de Chalita à prefeitura de São Paulo em 2012. Machado disse que os dois se encontraram na Base Aérea e Temer, então vice-presidente da República, pediu a ele aproximadamente R$ 1,5 milhão. O dinheiro seria destinado à campanha de Chalita. Machado repassou o pedido a Fernando Cunha Reis, diretor da Odebrecht Ambiental. Sem maiores embaraços, Reis acionou a Bairro Novo Empreendimentos para fazer o pagamento a campanha de Chalita, numa transação intermediada pelo diretório nacional do PMDB.
Na denúncia contra Renan, Juca e Sarney, Janot afirma que, também a partir de um acordo de colaboração premiada, Reis "corroborou o depoimento de Sérgio Machado". Como indícios do encontro entre Temer e Machado na Base Aérea em 6 de setembro de 2012, Janot cita registro da movimentação dos dois. Pelo relato, Machado telefonou para Temer e seguiu rumo à Base Aérea num carro alugado. A agenda oficial de Temer informa que, naquele mesmo dia, o presidente esteve na Base Aérea, onde embarcaria numa viagem para Londres.
Duas semanas depois do encontro entre Temer e Machado, a Barro Novo fez duas doações de R$ 500 mil para o PMDB nacional. Logo em seguida, o dinheiro foi transferido para a campanha de Chalita. Na delação, Machado disse que os políticos que pediam dinheiro a ele sabiam da origem ilegal dos recursos. O ex-presidente da Transpetro explica que era um servidor público e não um generoso financiador de campanhas eleitorais.
"Quanto a esses políticos, tem a explicar que, quando o procuravam, conheciam o funcionamento do sistema; QUE, embora a palavra propina não fosse dita, esses políticos sabiam, ao procurarem o depoente, não obteriam dele doação com recursos do próprio, enquanto pessoa física, nem da Transpetro, e sim de empresas que tinham relacionamento contratual com a Transpetro", afirmou Machado.
Do msn

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Armando vê “desgoverno” na segurança pública em Pernambuco

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) atribuiu ao “absoluto descontrole” e ao “desgoverno da segurança pública” o aumento dos homicídios em Pernambuco, com 447 casos em julho, o maior número para o mês em dez anos. Em discurso no plenário do Senado, o petebista acusou de omisso o governador Paulo Câmara, ressaltando haver “ausência de liderança” no estado.
 
Armando previu que, a continuar no ritmo atual, Pernambuco pode, “de forma inédita”, atingir a marca de 5,4 mil assassinatos em 2017, o que representaria 10% dos homicídios de todo o País, quando a população pernambucana corresponde a apenas 4,5% dos brasileiros.
 
“A permanecer nesse diapasão, Pernambuco alcançará uma marca superior a 60 mortes por cada grupo de 100 mil habitantes, elevadíssima, mais do que o dobro da média nacional, em torno de 26 homicídios”, assinalou Armando. O senador lembrou que a ONU considera violência acima do normal a marca de 10 assassinatos por 100 mil habitantes.
 
Aparteado pelos senadores Lindbergh Farias (PT-RJ) e Jorge Viana (PT-AC), que concordaram ser grave o quadro da violência em Pernambuco, o senador petebista salientou que, no primeiro semestre, o estado foi responsável por 54% do aumento das mortes violentas ocorridas em todo o País comparativamente a igual período de 2016. "É um dado alarmante”, completou, enfatizando que, em paralelo, foram registrados, de janeiro a julho, mais de 73 mil casos de roubo, o que significa, em média, 346 roubos por dia.
 
Armando Monteiro destacou não querer, com seu discurso em plenário, “partidarizar” a questão da segurança pública em Pernambuco. “Tanto é assim que quero fazer uma homenagem ao ex-governador Eduardo Campos, que à época em que era governador assumiu o problema, idealizou o Pacto pela Vida e obteve resultados expressivos”, disse.
 
O senador declarou ainda que, mesmo na oposição ao governo estadual, coloca-se à inteira disposição para ajudar a encontrar soluções para minorar a situação da segurança pública em Pernambuco. “Temos de encaminhar e discutir o problema de maneira absolutamente suprapartidária”, conclamou.

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

Novaes faz alerta sobre assaltos a bancos no interior do Estado

O deputado Rodrigo Novaes destacou, nesta quinta-feira (24/08), durante seu pronunciamento na Alepe, a importância do investimento em tecnologias que impeçam os assaltos a bancos no interior de Pernambuco. Ele ressaltou que é preciso criar alternativas que inviabilizem ação dos bandidos. O parlamentar afirmou ressalta que o não é problema local, mas que as cidades do interior são as que mais sofrem com a situação.

“Nos municípios como Jatobá ou Ibimirim em que as agências foram alvo destas quadrilhas, o cidadão precisa se deslocar muitas vezes 30 quilomentros ou mais para fazer uso do serviço. Lá nem os correspondentes bancários funcionam no comércio local. Voltamos ao início do século, onde apenas os grandes polos como Caruaru, Petrolina, Arcoverde e Araripina tinham agências”, disse Novaes. De acordo com o deputado, até o mês de maio,  25 instituições financeiras foram fechadas e 28 estão apenas com serviços burocráticos.

O vice-líder do governo já possui um projeto de lei que obriga as instituições bancárias a terem um vigilante 24 horas nas agências. Para ele, a solução definitiva está na conduta dos próprios bancos pernambucanos que não tem compromisso no aspecto social. Com isso, o parlamentar deu entrada em outro projeto de lei que exige que os bancos tenham um prazo médio de seis meses para retornar as atividades. Caso contrário, eles terão que fornecer transporte à população que precisa se deslocar ao município mais próximo para fazer uso do serviço bancário.

“Parece até exagero. Mas exagero é este comportamento dos bancos pernambucanos que só visam o lucro dos seus clientes. A medida desta Casa Legislativa vai ser dura. Peço apoio aos colegas para que o projeto possa tramitar e desejo também a realização de uma audiência pública para discutirmos amplamente este tema. Não podemos ficar de braços cruzados”, finalizou. 

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Armando diz que Congresso contribuirá para retomar crescimento

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) afirmou, nesta quarta-feira (23), em debate no 28º Congresso Aço Brasil, em Brasília, que vários projetos de lei em tramitação no Congresso Nacional podem contribuir para aumentar a produtividade e a eficiência da economia brasileira, essencial, na sua visão, à retomada do crescimento quando a recessão for superada. 
 
Segundo Armando, a produtividade da economia brasileira, que cresceu apenas 0,68% anuais, em média, entre 1990 e 2010, é um problema sistêmico. Como tal, ainda de acordo com o senador, só pode ser combatido aumentando-se a eficiência de forma disseminada, tanto na área tributária como no crédito, na infraestrutura, na educação e na inovação tecnológica.
 
No debate do encontro da indústria siderúrgica sobre as limitações à competitividade no Brasil, Armando Monteiro citou algumas iniciativas em tramitação no Congresso que podem contribuir para ampliar a produtividade. O senador mencionou, entre outras, a reformulação do PIS-Cofins e do Cadastro Positivo e a instituição da duplicata eletrônica.
 
Armando declarou acreditar que deverão dar resultados na melhoria da competitividade as discussões do grupo de trabalho que preside, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), sobre reformas microeconômicas, que passam por medidas de desburocratização e facilitação dos investimentos privados.  

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

terça-feira, 22 de agosto de 2017

UPAE GARANHUNS ABRE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE MÉDICOS ESPECIALISTAS

A UPAE Garanhuns, unidade com Gestão IMIP, abriu Processo Seletivo Simplificado para contratação, pela CLT, de médicos especialistas, com Residência Médica na área de atuação ou Especialização em curso reconhecido pelo MEC ou pelas Sociedades Médicas ou Título de Especialista concedido pelo respectivo Conselho de Classe, nas seguintes especialidades: Alergologista, Anestesista, Angiologista, Cardiologista, Cirurgião Geral, Dermatologista, Endocrinologista, Gastroenterologista, Geriatra, Ginecologista, Infectologista, Mastologista, Nefrologista, Neurologista, Oftalmologista, Otorrinolaringologista, Pneumologista, Proctologista, Reumatologista e Urologista.

Os interessados devem cadastrar seus dados no campo “Trabalhe Conosco” no site do IMIP (imip.org.br), e clicar, no mesmo site, no link de inscrição do Processo Seletivo da UPAE Garanhuns. A confirmação será por e-mail, e os selecionados serão convidados para as etapas seguintes, após análise curricular.

As inscrições acontecem até dia 20 de Setembro de 2017. O Processo Seletivo acontece em 4 etapas:
  1. Cadastro na base de currículos do site do IMIP (Trabalhe Conosco)
  2. Inscrição no Processo Seletivo da UPAE Garanhuns (site do IMIP)
  3. Análise Curricular
  4. Entrevista e entrega de documentos de titulação
     
    COMO PARTICIPAR:
  1. Acesse o site do IMIP, e clique no campo “Trabalhe Conosco”
  2. Preencha os dados solicitados, e envie. Você receberá um e-mail de confirmação. Seu cadastro é válido para toda a rede Gestão IMIP
  3. Clique no Processo Seletivo da UPAE Garanhuns
  4. Marque a especialidade que pretende se inscrever.
  5. Ao enviar, você receberá outro e-mail de confirmação de inscrição no Processo Seletivo.
  6. Os selecionados receberão o contato do Recursos Humanos da UPAE Garanhuns / Gestão IMIP, via e-mail, para as etapas seguintes.
  7. Mantenha seu cadastro atualizado no site.


Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE

domingo, 20 de agosto de 2017

Novaes faz visita a municípios do Sertão e discute novas ações

O deputado Rodrigo Novaes (PSD) esteve com agenda movimentada no último final de semana. O parlamentar visitou quatro municípios do Sertão do São Francisco para ouvir a população e lideranças, além de implementar ações que viabilizem melhorias para a vida do povo sertanejo.
A primeira parada foi a cidade de Orocó. “Ouvi meus amigos de luta que me passaram as dificuldades do município e sugestões para que sejam intermediadas junto ao governo. A estrada de Urimamã, a saúde pública da cidade e o Banco do Brasil - que está fechado -  são problemas que precisam de solução imediata”, afirmou Novaes.
Em seguida, o vice-líder do governo visitou Belém do São Francisco, onde esteve com o prefeito Professor Licínio e o secretário de Obras Helionaldo Lustosa. Foram discutidos alguns detalhes para a vinda do governador do Estado ao município e os convênios que serão firmados para a realização de obras já programadas.
 A viagem seguiu para Cabrobó, onde Novaes conversou com o prefeito Marcílio e os vereadores João Pedro Novaes e Ramses. “Ouvi as necessidades do município e vamos promover melhorias na área de saúde e agricultura.  
A visita foi concluída no município de Floresta. “Realizamos uma reunião com os amigos da associação Floresta Esperança para planejar o semestre. Discutimos o início das aulas de violão, flauta, capoeira e jiu-jitsu para as comunidades. Planejamos também a construção da próxima casa do projeto “Construindo com Dignidade”. 

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

OAB vai ao STF para Maia analisar impeachment de Temer

Do mns: A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou nesta quinta-feira com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para obrigar o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a analisar os pedidos de impeachment que já foram protocolados contra o presidente Michel Temer (PMDB). Há mais de vinte processos de impedimento que esperam uma decisão de Maia.
A OAB alega que o presidente da Câmara praticou desvio de função e omissão ao se negar a analisar as requisições. O mandado de segurança, protocolado pelo presidente da OAB, Claudio Lamachia, diz que configura “ato abusivo e omissivo” o fato de Maia estar a oitenta dias sem dar uma resposta ao processo que a entidade protocolou há três meses.
A OAB entrou com pedido de impeachment contra Temer no dia 25 de maio, oito dias após a revelação das gravações feitas pelo empresário Joesley Batista, da JBS, no âmbito de um acordo de delação com a Procuradoria-Geral da República (PGR). A entidade máxima da advocacia entendeu que Temer cometeu crime de responsabilidade e, por isso, deve ser condenado à perda do mandato e se tornar inelegível por um período de oito anos. 
Segundo a OAB, Maia cometeu desvio de finalidade ao violar os direitos dos cidadãos que, em consonância com o que prevê a Constituição, elaboraram denúncias contra o presidente. Além disso, a Ordem diz que o presidente da Câmara atentou contra os direitos dos outros deputados, que ficaram impedidos analisar o mérito dos processos, e contra o princípio republicano, já que blindou autoridades de serem investigadas.
Para a OAB, o deferimento do mandado de segurança é uma “medida de justiça”, uma vez que o atraso de Maia acarreta em “flagrante prejuízo à sociedade”.
“A mais danosa mensagem que o Poder Legislativo pode transmitir aos cidadãos e à comunidade internacional é o vácuo decisório, por perpetuar a situação de instabilidade institucional, quebra da transparência e enfraquecimento do pacto republicano firmado pelos brasileiros na Constituição de 1988”, disse.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Armando celebra manutenção da Hemobrás em Pernambuco

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) comemorou, nesta terça-feira (15), a decisão do Governo Federal de manter em Pernambuco a fabricação do fator VIII recombinante, no complexo da Hemobrás em Goiana. A continuidade dos investimentos e a viabilidade da fábrica de Goiana vinha sendo ameaçada com a possível construção de outra planta no Paraná.

Para Armando, a ação articulada da bancada do Estado, que se uniu para pressionar contra a ameaça do Ministério da Saúde de esvaziar o empreendimento em Pernambuco, com a realização de diversas reuniões e audiências públicas, foi fundamental para a manutenção do projeto no Estado. "Como pernambucano, celebro essa grande conquista", destacou o petebista, no plenário do Senado.

"O Ministério da Saúde acabou de publicar uma nota garantindo que todos os investimentos na planta da Hemobrás ficarão em Pernambuco, inclusive a produção do Fator VIII recombinante, que é a parte de maior valor econômico do empreendimento. Com isso, Pernambuco responde às tentativas de esvaziar o empreendimento", afirmou Armando.

"A manutenção do projeto é fruto de uma ação solidária e articulada de toda a classe política de Pernambuco, especialmente da bancada federal, que, desde o primeiro momento, se alinhou na defesa dos interesses do Estado. A esse Pernambuco altivo e independente, a bancada pode hoje dar a sua melhor contribuição ", comemorou o senador.

Por meio de uma nota à imprensa, o Ministério da Saúde informou que fará negociações com a empresa Shire, atual parceira da Hemobrás, para iniciar a construção de uma fábrica de Fator VIII recombinante, produto de alto valor econômico e grande densidade tecnológica. De acordo com a pasta, após notificação, a Shire decidiu manter a Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) já firmada com a Hemobrás e aumentou a proposta de investimento, saltando de US$ 30 milhões para US$ 300 milhões para o complexo de Goiana. Dessa forma, a tentativa de esvaziamento do empreendimento cai por terra e Pernambuco continuará com a fábrica de hemoderivados.



José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Senado aprova projeto de Douglas que pune entrega fora do prazo

A Câmara dos Deputados irá votar projeto de lei do ex-senador Douglas Cintra penalizando a empresa que não cumprir a data da entrega da mercadoria ou serviço acertada em contrato com o consumidor. O adquirente será ressarcido do valor cobrado pela entrega ou, se quiser, poderá cancelar a compra, sem ônus.
 
O projeto de lei, aprovado na Comissão de Transparência e Defesa do Consumidor, determina a punição nos contratos que incluem o serviço de entrega, alterando o Código de Defesa do Consumidor. Como tinha caráter terminativo, seguirá direto ao exame da Câmara, sem passar pelo plenário do Senado. 
 
Suplente do senador Armando Monteiro (PTB-PE) que exerceu o mandato em duas ocasiões, no total de um ano e oito meses, Douglas, empresário do comércio atacadista e do segmento de supermercados, vê na sua iniciativa mais uma medida de proteção ao consumidor.
 
Vida moderna - O projeto determina que será explicitado, no contrato da venda, o valor adicional cobrado pela entrega. Na contratação, o fornecedor ou prestador de serviço firmará documento por escrito ou por mensagem eletrônica, no caso de compra pela internet, com sua razão social, nome fantasia, endereço, telefone e CNPJ.  Detalhará o produto ou serviço, endereço, data e turno da entrega.
 
“Embora boa parte dos consumidores resida em prédios com porteiros ou disponha de alguém que possa receber a mercadoria ou serviço, a vida moderna impõe muitas vezes que toda a família trabalhe fora. Não são raras, assim, as situações em que o consumidor se vê obrigado a deixar de lado afazeres para aguardar a entrega de um produto ou serviço”, justifica o ex-senador

Na UPAE Garanhuns, população tem assistência do Serviço Social muito além da consulta médica

O trabalho da Assistência Social na UPAE Garanhuns tem por objetivo o acolhimento, atendimento e orientação aos pacientes encaminhados pelos médicos da unidade, ao detectarem necessidades especiais, além da própria consulta médica. As profissionais de Serviço Social atuam para integrar estes pacientes à Rede SUS, e orientam sobre diversas situações no âmbito da saúde e cidadania.

Duas assistentes sociais estão diariamente na unidade; Valderês Barbosa e Monique Vasconcelos, esta última esteve junto ao coordenador geral da UPAE Garanhuns, Gustavo Amorim, concedendo entrevista na Rádio Jornal Garanhuns, no programa Consultório, com Samara Pontes, justamente sobre a atuação do Serviço Social na unidade. "Buscamos efetivar o acesso universal dos pacientes à Rede SUS e as políticas de saúde pública, com a finalidade de oferecer bem-estar físico, mental e social aos pacientes e seus familiares" - registra Monique Vasconcelos. 

Gustavo Amorim informou que o atendimento no setor de Serviço Social da UPAE Garanhuns, além de encaminhada pelos médicos, também pode acontecer de forma espontânea ao paciente em atendimento, que precise de informações ou apoio das profissionais. "Este atendimento pode ser individual ou de forma coletiva, esclarecendo quanto a direitos sociais dos cidadãos, encaminhamento à rede socioassistencial e de saúde, informação sobre normas e rotinas no atendimento da unidade, aconselhamentos preparatórios para procedimentos (principalmente cirúrgicos, a exemplo de vasectomia), planejamento familiar, além de interagir com outros setores para informações aos usuários, como foram feitos recentemente para prevenções de doenças e importância de doação de sangue.

A UPAE Garanhuns atende pacientes encaminhados pelas Secretarias de Saúde dos 21 municípios da área de abrangência da V GERES - Gerência Regional de Saúde, com sede em Garanhuns, Agreste do Estado.

Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

GOVERNO DO ESTADO E REITORIA DA UPE INVESTEM EM INCUBADORA PARA IMPULSIONAR TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NA BACIA LEITEIRA DE GARANHUNS E REGIÃO


O Campus de Garanhuns da Universidade de Pernambuco recebeu investimentos para abrigar a primeira incubadora da região. A reunião para apresentação das estruturas e do projeto às instituições parceiras aconteceu na última terça-feira (08) no auditório da UPE Garanhuns. O investimento acadêmico foi anunciado pelo Governador Paulo Câmara e o Reitor da UPE, Pedro Falcão, no mês de abril, e já irá iniciar a funcionar.

A incubadora nasceu de uma iniciativa da Universidade de Pernambuco (UPE) com o objetivo de iniciar a construção de um novo habitat de empreendedorismo e inovação no Agreste Meridional. Fazem parte desta iniciativa também a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP), UFRPE, SEBRAE, AESGA, IFPE e a Prefeitura de Garanhuns, além de outras Instituições que se agregarão a este programa de incubação e que serão parceiros importantes da difusão e estímulo à incubação de empresas, além de oferecerem palestras e capacitações aos empreendedores.

"É importante para a Universidade este processo de expansão e de integração institucional, com a soma de esforços e investimentos que possam impulsionar cadeias produtivas regionais. No caso de Garanhuns e o Agreste Meridional, montamos uma estratégia que possa permitir o desenvolvimento tecnológico e a inovação na bacia leiteira, fundamental para a economia do interior do estado" - registra Profº Pedro Falcão.

Na reunião desta semana, coordenada pelo vice-diretor do multicampi Garanhuns, Adauto Trigueiro, e pelo professor Alexandre Maciel, coordenador de Inovação da UPE, foi apresentado o cronograma de ações que já inicia no próximo dia 25/08 com um evento de sensibilização aberto ao público, e no dia 05 de outubro será realizada uma oficina de desenvolvimento de projetos. O lançamento do edital para seleção das empresas está previsto para dia 25 de setembro. Na ocasião foi apresentada a estrutura física destinada à incubação de empresas de base tecnológica, que ficará situado no campus da UPE, bem como a metodologia de incubação que será provida pelo ITEP, que possui mais de vinte anos de experiência em programas de incubação.

UPE CAMPUS GARANHUNS

sábado, 12 de agosto de 2017

Secretaria de Agricultura entrega 28 ensiladeiras para os municípios do Moxotó e do Pajeú.

Reforçando o compromisso com o homem e a mulher do campo, o Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, realizou a entrega de 28 ensiladeiras ao Consórcio de Integração dos Municípios do Pajeú (Cimpajeú), em evento realizado nesta sexta (11/08) em Afogados da Ingazeira. Os equipamentos vão contemplar 22 municípios nas regiões do Moxotó e do Pajeú,  beneficiando mais de 10 mil pessoas.

Na solenidade estavam presentes o Deputado Federal Danilo Cabral; o Presidente do Consórcio e Prefeito da cidade de Flores, Marconi Santana; o Prefeito de Afogados, José Patriota, além de prefeitos integrantes do consórcio, representantes das Organizações Sociais e trabalhadores rurais. "O secretário Nilton Mota tem agido de forma muito atuante na agricultura e não mediu esforços para realizar essas entregas no dia de hoje, que serão de muita importância para aproveitamento das forragens nessas regiões", discursou o presidente do Cimpajeú.  

Esta foi mais uma ação estratégica da Secretaria de Agricultura, fruto de parcerias entre os governos estadual, municipal e federal e Organizações Sociais. As ensiladeiras foram adquiridas por meio de convênio, e chegam para reforçar a produção e estoque de forragens, como alternativa de convivência com o semiárido, garantindo a  alimentação do rebanho, sobretudo de pequenos animais. 

 "A entrega dessas ensiladeiras são símbolos que marcam nossa trajetória, num momento tão desafiador que estamos vivenciando, sobretudo num período de estiagem que atravessamos. Desde o início do Governo de Paulo Câmara, investimos mais de R$ 25 milhões apenas em equipamentos. Somadas a outras ações, como as obras hídricas, estamos fazendo a diferença para os nossos agricultores familiares no presente, mas com o olhar voltado para o futuro", disse o secretário Nilton Mota.

Estiveram presentes as representantes da Sociedade Civil Organizada, Riva de Almeida e Anchieta; o Promotor de Justiça de Afogados da Ingazeira, Lucio Luiz; e a Diretora-presidente da Adagro, Erivânia Camelo.

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Missa em Memoria á Zé Antonio do Leite é hoje em Saloá !

O pai, Zé Do Leite, a mãe, Socorro Do Leite, a viúva, Cinthia Barra Nova, os irmãos, Paulo, André e Eduardo, e demais familiares, convidam a população de Saloá e região, para participarem da missa de 1º aniversário, que mandam celebrar em memória da alma do saudoso, Zé Antonio Do Leite, (ex-vice-prefeito de Saloá).

A missa sera hoje sexta-feira (11), na igreja matriz de São Vicente de Paulo, em Saloá. A celebração acontece às 19:00h (7 da noite).

Zé Antonio faleceu de forma trágica em agosto de 2016, quando ainda era vice-prefeito de Saloá.

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Armando mantém juro menor do BNDES a micro, pequena e média empresa

Proposta do senador Armando Monteiro (PTB-PE) preserva por pelo menos cinco anos os empréstimos do BNDES a juros menores do que os de mercado às micro, pequenas e médias empresas. A sugestão foi incorporada à Medida Provisória 777, cujo relatório será lido na próxima terça-feira (15) na Comissão Mista encarregada de analisá-la. A MP troca a TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo) pela TLP (Taxa de Longo Prazo), de custo mais elevado. 

A Medida Provisória 777, alvo de críticas generalizadas do empresariado, irá à aprovação da Câmara dos Deputados e do Senado depois de votada na Comissão Mista, o que deve ocorrer provavelmente no dia 22. Integrante da Comissão Mista, Armando Monteiro negociou a medida em duas reuniões de parlamentares da comissão, primeiro com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e depois com o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn.
 
“É imprescindível manter condições minimamente razoáveis, no período de transição entre as duas taxas de juros, nos financiamentos do BNDES às micro, pequenas e médias empresas para processos de inovação e compra de equipamentos. Muito mais do que as grandes empresas, elas enfrentam um ambiente extremamente hostil aos negócios, com recessão econômica, incertezas jurídicas e turbulência fiscal”, justificou Armando.
 
Ativo do Brasil - “O BNDES manterá, por pelo menos cinco anos, a partir da publicação desta lei, suas linhas incentivadas para micro, pequenas e médias empresas, visando estimular a inovação e a renovação do parque produtivo”, determina o artigo 14, acrescido à MP por proposta do senador pernambucano. Segundo ele, a idade média dos equipamentos da indústria brasileira é de 20 anos e há enorme dificuldade de acesso das pequenas e médias empresas à inovação. “A indústria é um ativo do Brasil, porque gera inovação e emprego de qualidade”, assinalou.
 
Com o principal argumento de que é necessário reduzir o subsídio implícito nos empréstimos do BNDES, que somaram R$ 284 bilhões nos últimos dez anos, o governo editou em 26 de abril último a medida provisória que substitui a TJLP pela TLP. Em vez de pós-fixada, arbitrada pelo Conselho Monetário Nacional e trimestral, como a TJLP, a nova taxa será prefixada, mensal e determinada com base na variação da Nota do Tesouro Nacional Série B (NTN-B), que reflete a inflação oficial acrescida de juros.
 
Entidades empresariais, como a Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), calculam que, com a TLP, o juro do BNDES na compra de equipamentos passará de 14,7% ao ano para 17,9% anuais. A Abimaq estima que um equipamento que custa US$ 100 terá um preço final de US$ 144,40 se financiado com a TLP, quando seria de US$ 134,80 se financiado com a atual TJLP.

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Seplag lança 15ª edição da Revista Gestão Pública PE

Reportagem especial sobre a organização Médicos sem Fronteiras e uma entrevista com a diretora administrativa da WeGov, Gabriela Tamura, estão entre os destaques

Que exemplo uma organização como a Médicos sem Fronteiras pode dar às gestões públicas? Confira na nova edição da Revista Gestão Pública PE uma reportagem especial sobre como atua essa organização humanitária em situações-limite, como grandes epidemias, desastres naturais e guerras, isto é, situações de emergência que exigem respostas rápidas, com grandes deslocamentos de pessoas e equipamentos. O exemplo é de planejamento e, também, de ética. A ONG foi fundada em 1971 e reúne mais de 36 mil profissionais de diferentes áreas e nacionalidades, estando presente em cerca de 70 países, inclusive no Brasil, onde desembarcou em 1991 para combater uma epidemia de cólera na Amazônia.

A 15ª edição da revista também traz uma entrevista com a diretora administrativa da WeGov, Gabriela Tamura, que fala sobre a necessidade de integração dos serviços oferecidos pelos governos aos cidadãos, com foco no papel que a tecnologia pode desempenhar para o avanço dos processos públicos. “Não temos como pensar no novo setor público sem o cidadão como parte principal do processo. Será necessário ressignificar o papel do governo e colocar o cidadão no centro da tomada de decisão”, diz Gabriela. A WeGov é um espaço colaborativo de aprendizado em governo amparado pelo conceito learning by doing (aprender fazendo).

Na seção Boas Práticas, a publicação aborda a inclusão de terapias alternativas nas políticas de atenção básica à saúde. Uma portaria do Ministério da Saúde, editada em 2006, estabeleceu a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no Sistema Único de Saúde e recomenda a sua adoção pelas secretarias de saúde dos estados, Distrito Federal e municípios. Tais práticas são terapias, em grande parte oriundas da medicina tradicional chinesa, como acupuntura, homeopatia, reiki, ioga, meditação e tai chi chuan. O artigo é ilustrado com o caso do município do Recife, que inaugurou sua primeira Unidade de Cuidados Integrais à Saúde ainda em 2004, no bairro do Torreão.

A nova edição traz, ainda, artigos sobre gestão educacional (Estratégia), elaboração de orçamentos públicos (Conta Certa), dicas de como redigir textos – principalmente e-mails – no ambiente de trabalho (Opinião), capacitação de pessoas (Capital Humano) e a adoção de práticas restaurativas no sistema socioeducacional (Inovação), além de uma reflexão sobre os processos burocráticos nas instituições públicas através da política de regularização fundiária desenvolvida pela Perpart (Acadêmicos da Gestão).

Revista Gestão Pública PE é editada pelo Instituto de Gestão Pública de Pernambuco Governador Eduardo Campos, vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag). A publicação pode ser acessada através do endereço http://www.seplag.pe.gov.br/web/revi15/revista-15.