terça-feira, 19 de julho de 2016

Justiça do Rio manda bloquear WhatsApp

A Justiça do Rio de Janeiro determinou que o aplicativo WhatsApp seja bloqueado em todo o Brasil. A medida foi publicada pela juíza Daniela Barbosa Assunção. As empresas de telefonia já estão cientes da decisão, após o Facebook se recusar a cumprir uma decisão judicial para fornecer informações para uma investigação policial. A rede social foi notificada três vezes para interceptar mensagens que seriam utilizadas em uma investigação policial em Caxias, no estado do Rio de Janeiro. 

O app deve sair do ar nas próximas horas. A juíza ainda determinou uma multa de R$ 50 mil por dia até o cumprimento desta ordem judicial. Segundo a magistrada, o Facebook respondeu afirmando não arquivar e nem copiar mensagens compartilhadas entre os usuários.

O mensageiro já foi bloqueado outras vezes no país. Em dezembro de 2015, a Justiça de São Paulo ordenou que as empresas impedissem a conexão por 48 horas em represália ao WhatsApp ter se recusado a colaborar com uma investigação criminal. O aplicativo ficou inacessível por 12 horas e voltou a funcionar por decisão do Tribunal de Justiça do estado. Em maio desde ano, a Justiça de Sergipe mandou as operadoras suspenderem o acesso dos brasileiros ao aplicativo de mensagem instantânea por 72 horas pelo mesmo motivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário