sexta-feira, 17 de junho de 2016

Ossada é encontrada ao lado da casa dos 'Canibais de Garanhuns'


Uma ossada foi encontrada na tarde desta quinta-feira (16) ao lado da casa onde morou o trio acusado de canibalismo em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, moradores contaram que os ossos foram encontrados após a abertura de um buraco para instalação de um poste elétrico. O trio é suspeito de assassinar, esquartejar,  comer e rechear salgados com a carne de três mulheres.

O delegado João Lins explicou que ainda não é possível afirmar que tratam-se ossos humanos porque não foram encontrados fêmur, úmero ou falanges. Ele disse que a ossada será encaminhada para perícia no Instituto de Medicina Legal (IML). Os moradores da Rua Voluntários da Pátria, no Bairro Liberdade - onde o material foi descoberto - afirmaram à polícia que havia restos de roupa junto aos ossos - um shorts e uma camisa.


Lins detalhou que o caso chamou a atenção da população porque a ossada estava enterrada ao lado da casa onde morou Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, Isabel Cristina Torreão Pires e Bruna Cristina Oliveira da Silva, conhecidos como os "Canibais de Garanhuns". Segundo o Tribunal de Justiça de Pernambuco, duas mulheres vítimas do trio foram enterradas no quintal da casa deles e descobertas pela polícia em 2012. 

Em nota enviada à imprensa, o delegado afirmou que "não há qualquer indício técnico que leve a concluir que a pequena quantidade de ossos encontrados tenha pertencido a um ser humano, e a idade que teria a possível vítima". Ele explicou que novos esclarecimentos serão prestados após a análise do material que será feita pelo IML.

Do G1 caruaru 

Nenhum comentário:

Postar um comentário