quinta-feira, 31 de março de 2016

Sesi inscreve em campanha de vacinação contra gripe H1N1 no Agreste

O Serviço Social da Indústria em Pernambuco (Sesi/PE) está com inscrições abertas para a Campanha de Vacinação contra a Gripe (H1N1). As doses fazem parte de um lote preparado para combater a mutação mais recente do vírus Influenza em suas três formas mais graves, a gripe A (H1N1, H3N2) e a Influenza B, que podem levar à morte. A meta da entidade é imunizar 15 mil trabalhadores em todo o Estado para evitar prejuízos à saúde do colaborador e à produtividade das empresas. A adesão pode ser feita até o final de abril, já a vacinação ocorrerá até junho. No Agreste, o atendimento será realizado pelas unidades de Belo Jardim e Caruaru. Mais informações pelos telefones: (81) 3722.9520 (Caruaru) e (81) 3726.1166 (Belo Jardim).

Para facilitar o acesso, a vacina está com custo de R$ 20,00 para indústria e R$ 35,00 para empresas de outros segmentos, um valor 60% abaixo do praticado pelo mercado. A aplicação é realizada na própria empresa, durante o expediente, para reduzir o tempo que o colaborador se ausenta do posto de trabalho. Segundo a Organização Mundial da Saúde, a gripe é a maior causa de perturbações na vida diária e faltas ao trabalho de pessoas entre 18 e 64 anos.

Os resultados positivos que a campanha de imunização contra a gripe traz para as indústrias é comprovado. De acordo com pesquisa do médico do trabalho Eduardo Arantes, referência na área, a cada R$ 1,00 investido em vacina, a empresa possui um retorno de R$ 3,50 em redução do absenteísmo. “Outra vantagem de se imunizar o trabalhador é garantir a produtividade, pois quando o colaborador gripa seu rendimento caí e ainda pode contaminar os demais, já que se trata de uma doença muito contagiosa", afirma Lígia Sacramento, gerente da Unidade de Qualidade de Vida do Sesi/PE. Ela lembra ainda que “anualmente, são registrados de 250 mil a 500 mil óbitos decorrentes de gripe no mundo”.

Para participar da campanha, basta enviar um e-mail para relacionamento@pe.sesi.org.br e informar o número de funcionários que deverão ser vacinados.

V GERES promove eventos regionais para debate da Rede de Assistência Psicossocial‏


A V GERES - Gerência Regional de Saúde - com sede em Garanhuns, Agreste do Estado, realizou quatro encontros de Educação em Saúde, em municípios da região, debatendo a Rede de Assistência Psicossocial - RAPS. Nos foruns de Angelim, Garanhuns, Capoeiras e Águas Belas, nesta terça-feira (29), onde foram debatidos o fluxo de atendimento dos pacientes e a assistência social a familiares.

Segundo a gestora regional de saúde, Catarina Tenório, os encontros trazem vários benefícios à rede e, consequentemente, aos pacientes; "Ajustarmos o atendimento, com cada instituição de saúde agindo pelo paciente e sua família, através de novas informações, técnicas e rotinas, é um trabalho contínuo, do qual dispomos da nossa equipe para esta formação regional" -Afirma a gestora.

Catarina Tenório fez um agradecimento especial a todos os envolvidos nos eventos, principalmente às equipes municipais e ao grupo condutor da RAPS, que vem desenvolvendo este trabalho de apoio aos gestores e usuários do Sistema Único de Saúde - SUS.

terça-feira, 29 de março de 2016

Mariana Silva fala de saída do pmdb do governo

Em três minutos, apenas três minutos, e por unanimidade dos diretórios presentes, o PMDB abandonou o governo do qual foi o maior sócio e beneficiário nos últimos 13 anos. Nenhuma satisfação à sociedade, nenhum pedido de desculpas por ter sido igualmente responsável por tudo o que levou à situação atual, nenhuma autocrítica, nenhuma proposta. Apenas a jogada política supostamente magistral para tentar se descolar da crise política e reinventar-se como solução. Continua o mesmo e velho PMDB tentando renascer das cinzas da fogueira que ele ajudou a atear.

Marina usou sua pagina no face para este comentário .

PMDB oficializa rompimento com governo

O Diretório Nacional do PMDB decidiu nesta terça-feira (29), por aclamação, romper oficialmente com o governo da presidente Dilma Rousseff. Na reunião, a cúpula peemedebista também determinou que os seis ministros do partido e os filiados que ocupam outros postos no Executivo federal entreguem seus cargos.
O vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer, não participou da reunião que oficializou a ruptura com o governo sob o argumento de que não desejava "influenciar" a decisão. No entanto, ele teve participação ativa na mobilização pelo desembarque do partido e passou toda a segunda-feira (28) em reuniões com parlamentares e ministros do PMDB em busca de uma decisão “unânime”.
Comandada pelo primeiro vice-presidente do PMDB, senador Romero Jucá (PMDB-RR), a reunião durou menos de cinco minutos. Após consultar simbolicamente os integrantes do partido, Jucá decretou o resultado da votação.
"A partir de hoje, nessa reunião histórica para o PMDB, o PMDB se retira da base do governo da presidente Dilma Rousseff e ninguém no país está autorizado a exercer qualquer cargo federal em nome do PMDB", enfatizou.
A decisão do PMDB aumenta a crise política do governo e é vista como fator importante no processo de impeachment de Dilma. Há a expectativa de que, diante da saída do principal sócio do PT no governo federal, outros partidos da base aliada também desembarquem da gestão petista.
Atualmente, o PMDB detém a maior bancada na Câmara, com 68 deputados federais. O apoio ao governo, porém, nunca foi unânime dentro da sigla e as críticas contra Dilma se intensificaram com o acirramento da crise econômica e a deflagração do processo de afastamento da presidente da República.

Do G1

segunda-feira, 28 de março de 2016

Janot opina a favor da nomeação de Lula

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, se manifestou nesta segunda-feira (28) a favor da validação, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), da nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro-chefe da Casa Civil.
Em parecer enviado ao STF, no entanto, ele opinou por manter as investigações sobre o petista até a data de sua posse, no último dia 17, sob a supervisão do juiz Sérgio Moro, que conduz os processos da Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal.
A posição do PGR foi remetida para instruir duas ações sob relatoria do ministro Teori Zavascki, contra a nomeação de Lula, protocoladas por PSDB e PSB.
No documento, Janot diz que a nomeação de Lula por Dilma contém elementos de “desvio de finalidade”, isto é, serviu para deslocar as investigações sobre o petista para o STF, onde os processos de apuração são mais lentos.
“O acervo probatório e elementos que se tornaram notórios desde a nomeação e posse do ex-Presidente permitem concluir que a nomeação foi praticada com intenção de afetar competência de juízo de primeiro grau. Há danos objetivos à persecução penal, pela necessidade de interromper investigações em curso, pelo tempo para remessa das peças de informação e para análise delas por parte dos novos sujeitos processuais e pelos ritos mais demorados de investigações e ações relativas a pessoas com foro por prerrogativa de função”, escreveu Janot no parecer.
Do G1

Semana Santa com menos acidentes nas rodovias estaduais

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria de Transportes, divulgou na manhã desta segunda-feira (29), o balanço da Operação Semana Santa 2016. A meta de reforçar a segurança para motoristas, passageiros e pedestres durante o feriadão da Páscoa nas principais rodovias estaduais, com a intensificação das ações de fiscalização que reduziu em 30% o número de acidentes em relação a 2015. No feriadão deste ano foram registrados 16 acidentes e duas vítimas fatais.

Na Operação Semana Santa 2016, que começou dia 18 e terminou na noite deste domingo de Páscoa (27), o DER atuou em conjunto com o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e demais órgãos envolvidos em ações nas principais rodovias pernambucanas e em Fazenda Nova, onde aconteceram os espetáculos da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, no Agreste Central, incluindo o apoio do CCIR, da Polícia Militar, no monitoramento das vias. Neste feriadão, o fluxo médio aproximado foi de 50 mil veículos circulando por dia, somente no trecho do Curado, na BR-232, e na PE-145, que leva a Fazenda Nova.

Este ano, o DER atuou com reforço de 60 agentes de fiscalização na prevenção de acidentes e fiscalização das rodovias, que intensificaram as abordagens aos veículos de passeio e aos ônibus de fretamento e turismo, e na fluidez do trânsito, para evitar os congestionamentos. Gravatá recebeu um esquema especial com objetivo de evitar retenções na via e facilitar a travessia dos pedestres. A ação também foi realizada na PE-005, em Camaragibe, na última sexta-feira (25), por conta do jogo do Brasil com o Uruguai, na Arena Pernambuco.

A novidade deste ano ficou por conta dos trabalhos desenvolvidos pelos educadores de trânsito do DER que, durante as apresentações dos espetáculos de Nova Jerusalém, reuniu os motoristas dos ônibus para palestras realizadas no pátio de eventos da Paixão de Cristo, em Fazenda Nova, com a finalidade de conscientizar os condutores destes veículos sobre a importância e a responsabilidade da função que eles exercem.

De acordo com o chefe de Fiscalização do DER, Laurent Licari, durante os dias de espetáculos da Paixão de Cristo, em Fazenda Nova, foram abordados cerca de 800 ônibus e 400 vans de turismo, além dos 600 veículos de passeio. “Nossas ações continuarão sendo realizadas ao longo deste ano nas rodovias da Região Metropolitana do Recife e, do Agreste e do Sertão pernambucano, regiões onde intensificaremos as fiscalizações, visando garantir a segurança de todos, buscando sempre reduzir o número de acidentes e ajudando a salvar vidas no trânsito, honrando nosso compromisso com o povo pernambucano, sobretudo nos grandes eventos do nosso calendário cultural”, frisou Licari.
Fonte: Assessoria de Comunicação DER-PE:

Advogados pedem que OAB suspenda novo pedido de impeachment


Um grupo de advogados e juristas vai entregar nesta segunda-feira, 28, ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Lamachia, um requerimento para que a entidade suspenda o apoio ao impeachment da presidente Dilma Rousseff.

A OAB agendou para esta segunda a entrega de um novo pedido de impedimento da presidente Dilma à Câmara, que inclui as declarações do senador Delcídio Amaral (sem-partido-MS) em delação premiada firmada com a Procuradoria-Geral da República no âmbito da Operação Lava Jato.


Liderado por Marcelo Lavènere, presidente da Ordem na época da renúncia do ex-presidente Fernando Collor de Mello, o grupo de advogados contra o impeachment alega que a posição assumida pela entidade não representa a categoria. O jurista Dalmo Dallari e o advogado Celso Antonio Bandeira de Mello também endossam o movimento contrário ao impeachment.

Em nota, os advogados contrários ao impeachment afirmam que a proposta é "um erro brutal".

"Essa decisão, por sua gravidade e consequências, que lembra o erro cometido pela Ordem em 1964, jamais poderia haver sido tomada sem uma ampla consulta aos advogados brasileiros, em termos absolutamente transparentes e democráticos, assegurando-lhes o acesso às diferentes posições a respeito do grave momento nacional e das soluções adequadas do ponto de vista da preservação da Constituição e do Estado Democrático", afirma o comunicado.

Os advogados signatários do documento também afirmam que o pedido de impeachment que tramita na Câmara, da autoria do juristas Hélio Bicudo, Janaína Pachoal e Miguel Reale Jr., é "considerado pela maioria dos grandes juristas brasileiros imprestável para a finalidade a que se propõe".

Segundo os juristas, o procedimento trata-se de um "golpe", porque não há crime de responsabilidade que fundamente o pedido.

Por 26 votos a dois, o conselho federal da Ordem aprovou o apoio ao afastamento da presidente, e concordou em apresentar um novo pedido de impeachment à Câmara com base na delação de Delcídio.

Lavènere foi contra a maioria na reunião de conselheiros da OAB, que votam representando todos os Estados brasileiros e o Distrito Federal. Ele pediu bom senso e cautela da entidade e criticou o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a quem acusou ter aceitado o pedido contra Dilma por revanchismo.

Do diário de pernambuco 

sábado, 26 de março de 2016

Ex-presidente do PP cita políticos e ministro do TCU

O ex-deputado federal Pedro Corrêa (PE), ex-presidente do PP, fechou acordo de delação premiada e citou políticos da base do governo e da oposição.
De acordo com a Folha de S. Paulo, o acordo foi fechado há cerca de oito meses e assinado há duas semanas com a PGR (Procuradoria Geral da República).
Corrêa está preso em Curitiba, no Paraná, e a o acordo ainda precisa ser homologado pelo Supremo. A reportagem teve acesso a alguns trechos da delação do ex-presidente do PP e revela que em um dos "anexos", intitulado "Mesada de Augusto Nardes", o ex-parlamentar cita o atual ministro do TCU (Tribunal de Contas da União).
Segundo o delator, entre 2003 e 2005, quando Nardes era deputado federal pelo PP, ele estava entre os nomes da bancada da Câmara que recebiam propina arrecadada pelo deputado José Janene (morto em 2010) junto à Petrobras e outros órgãos com diretorias indicadas pelo PP.
Corrêa também contou que quando Nardes foi nomeado ministro do TCU, em 2005, foi destruído um recibo que comprovava o pagamento da propina. Era, segundo o delator, um recibo de valor "baixo", algo entre R$ 10 mil e R$ 20 mil.
O ex-deputado adianta que isso foi feito porque o documento poderia "prejudicar a nomeação".
Além disso, o pernambucano mostrou uma lista de operadores de propina e incluiu o nome de Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e uma de suas principais assessoras, como a responsável por conduzir movimentações financeiras ligadas ao tucano.
A reportagem da Folha avalia que a citação a Andrea Neves é a primeira, entre os citados estão Marcos Valério, operador do mensalão, e Benedito Oliveira, o Bené, investigado na Operação Acrônimo, que apura suspeitas de irregularidades na campanha de Fernando Pimentel (PT) ao governo de Minas Gerais, no ano de 2014.
Reeleição de FHC
Corrêa também apresentou um anexo sobre o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), que tem como foco a votação que aprovou a emenda constitucional possibilitando a sua reeleição, em 1997.
O ex-presidente do PP refere que FHC contou com apoio financeiro do empresariado para aprovar o projeto da reeleição. Corrêa cita que Olavo Setubal, do Banco Itaú, morto em 2008, é um dos que ajudou FHC.
"Olavo Setubal dava bilhetes a parlamentares que acabavam de votar, para que se encaminhassem a um doleiro em Brasília e recebessem propinas em dólares americanos", diz o anexo, citando o relato do ex-deputado federal pernambucano.
Pedro Corrêa teve quase 40 anos de vida política, parte deles presidindo o PP, legenda que integrou a base aliada dos presidentes FHC, Lula e Dilma. A delação dele deve ter impacto entre políticos e parlamentares.
O acordo de delação conta com pouco mais de 70 anexos, cada um com um tema. Segundo a Folha, cinco deles são referentes a Lula e cinco a Dilma.
Ex-presidente Lula
Ainda em delação, Corrêa cita o envolvimento de Lula em uma reunião com o então ministro da Casa Civil, José Dirceu, e de José Eduardo Dutra, na época presidente da Petrobras, para acertar a nomeação de Paulo Roberto Costa para a diretoria da estatal, em 2004.
O ex-deputado conta que ele e outros integrantes da cúpula do PP defendiam a nomeação, mas Dutra era contra. No entanto, Corrêa contou que Lula atuou em nome do indicado e revelou detalhes da conversa.
"Mas Lula, eu entendo a posição do conselho. Não é da tradição da Petrobras, assim, sem mais nem menos trocar um diretor", disse Dutra, na época presidente da estatal.
Segundo ele, Lula teria respondido: "Se fossemos pensar em tradição nem você era presidente da Petrobras e nem eu era presidente da República".
A Folha destaca que os fatos narrados por Corrêa são vistos como "uma crônica política" que ajudará a completar lacunas de outras colaborações.
Resposta de Augusto Nardes
O ministro do TCU Augusto Nardes declarou que a citação de seu nome na delação do ex-deputado Pedro Corrêa é uma "retaliação pela oposição" que fazia dentro do PP.
Já o senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou que Andrea Neves, irmã dele, não conhece e jamais teve contato com Pedro Corrêa.
O tucano também enfatizou que repudia "as falsas acusações mais uma vez repetidas, sem indícios que possam minimamente comprová-las".
Aécio ainda pediu para que a Justiça esclareça "as denúncias verdadeiras e aquelas que têm unicamente o objetivo de tumultuar as investigações".
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso classificou o episódio como "ridículo"
Em nota, o presidente do Itaú, Roberto Setubal, disse que fica "profundamente indignado" ao ver o nome do pai dele, Olavo Setubal, "absurdamente envolvido numa história sem comprovações".
Ainda segundo a reportagem, o instituto Lula explicou que não comenta falatórios e que "quem quiser levantar suspeitas em relação a Lula que apresente provas".

quinta-feira, 24 de março de 2016

LISTA DA ODEBRECHT TEM AÉCIO, CUNHA E MAIS 200.

Nas buscas que realizou na Odebrecht durante a 23ª fase da Operação Lava Jato, no dia 22 de fevereiro, a Polícia Federal apreendeu uma lista do que seriam repasses de propina da empreiteira a políticos. A relação traz mais de 200 nomes e os valores recebidos, atingindo governo e oposição.
Estão presentes, por exemplo, os nomes do senador Aécio Neves (PSDB-MG), do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), dos senadores José Sarney (PMDB-AP), Romero Jucá (PMDB-RR) e Humberto Costa (PT-PE), do chefe de Gabinete da presidente Dilma Rousseff, Jaques Wagner, do PT, do ex-governador Eduardo Campos (PSB), morto em 2014, entre vários outros.
Não identificados, contudo, chamaram a atenção dos investigadores, sobretudo pelo grande volume de recursos que teriam recebido, como é o caso de "Mineirinho", apontado como destinatário de R$ 15 milhões entre 7 de outubro e 23 de dezembro de 2014. As entregas, segundo as planilhas, teriam sido feitas em Belo Horizonte.
Conforme afirma o jornalista Fernando Rodrigues, que divulgou a lista, trata-se do mais completo acervo do que pode ser a contabilidade paralela da empresa descoberta e revelada ontem na investigação. Segundo a PF, o executivo Marcelo Odebrecht também estava envolvido no pagamento de propinas.

quarta-feira, 23 de março de 2016

DER desliga lombadas eletrônicas nas principais rodovias

Ações de fiscalizações serão intensificadas durante festividade

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) manterá desligadas algumas lombadas eletrônicas nas principais rodovias pernambucanas durante o feriadão da Semana Santa. Os equipamentos de fiscalização eletrônica serão desativados às 22 horas desta quarta-feira (23) e somente serão religados às 5h da próxima segunda-feira (28). 

Essa ação faz parte da Operação Semana Santa 2016, visando dar mais fluidez ao trânsito e evitar os congestionamentos nas principais rodovias pernambucanas, aquelas que levam aos destinos mais procurados neste feriadão. São elas: BR-232, seguindo para o Agreste e o Sertão; PE-035, que vai para o Litoral Norte, até a Ilha de Itamaracá; e a PE-060, para quem segue ao Litoral Sul ou ao vizinho estado de Alagoas. Com isso, o DER pretende proporcionar mais segurança e tranquilidade aos usuários.

As lombadas eletrônicas que estarão desligadas durante o feriadão da Semana Santa são as seguintes:
BR-232 – km 6,2; 7,4; 7,8 e 9,1 (Curado); km 24,7 (Moreno); km 35,5 (Bonança); km 58,5 (Pombos); km 100,5 (Bezerros) e km 113,4 (Encruzilhada de São João).
PE-035 – km 7,3 e km 7,9 (Itapissuma).
PE-060 – km 0,1 e km 2,5 (Cabo de Santo Agostinho); km 16,63 (Ipojuca).

Os agentes de trânsito e de fiscalização do DER, do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e demais órgãos envolvidos na Operação Semana Santa estarão reforçando as ações nas principais rodovias, monitorando o tráfego e orientando os motoristas. Durante esse feriadão, a expectativa é que haja um aumento de 30% no fluxo de veículos na PE-060, que terá uma média de 30 mil veículos cruzando o trecho do Cabo de Santo Agostinho. A BR-232, principal rota que leva a Fazenda Nova, onde acontecem os espetáculos da Paixão de Cristo, cruzando Gravatá e Caruaru, as principais cidades do Agreste, mais de 50 mil veículos deverão circular nos dias mais movimentados, na saída do Recife, trecho do Curado.

Transportes indivisíveis – Outra medida adotada pelo DER para facilitar a fluidez do trânsito durante o feriado prolongado da Semana Santa, será restringir o horário de circulação de veículos que transportam cargas de grande porte, nos trechos de quatro rodovias da Região Metropolitana do Recife.

As BR-232, PE-009, PE-042 e PE-060 recebem esta intervenção nos trechos de pista simples, a partir desta quarta-feira (23), às 16h. A ação segue até às 08h da próxima segunda-feira (28). De acordo com o chefe de fiscalização do DER, Laurent Licari, a medida trará mais fluidez e segurança do trânsito durante a festividade. “A nossa iniciativa visa facilitar o fluxo como forma de evitar transtornos e possíveis retenções durante o feriadão”. 

-- 
Assessoria de Comunicação DER/PE

terça-feira, 22 de março de 2016

Teori Zavascki ordena que Sérgio Moro envie investigação de Lula para o Supremo

O ministro do STF, Teori Zavascki, tomou a decisão de obrigar o juiz federal Sérgio Moro a enviar para o Supremo as investigações da Operação Lava Jato sobre o ex-presidente Lula, segundo informa o portal G1.
O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, determinou na noite desta terça-feira (22) que o juiz federal Sérgio Moro envie para o STF as investigações da Operação Lava Jato que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Com a decisão, as investigações sobre Lula saem da alçada de Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal.
A determinação de Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato no Supremo, não derruba decisão do ministro Gilmar Mendes, da última sexta (18), que suspendeu a nomeação de Lula do cargo de ministro da Casa Civil. Mas inviabiliza outra determinação de Gilmar Mendes que, na mesma decisão, havia determinado que as investigações sobre Lula ficariam com Moro.
Na decisão, o ministro Teori Zavascki atende a um pedido do governo, que apontou irregularidade na divulgação de conversas telefônicas entre Lula e a presidente Dilma Rousseff.
No mesmo despacho, Zavascki decretou novamente o sigilo sobre as interceptações. No prazo de dez dias, Moro deverá prestar informações ao STF sobre a retirada do segredo de Justiça das investigações.
Na ação, a Advocacia Geral da União, que representa o governo junto à Justiça, argumenta que Moro não poderia ter quebrado o sigilo das conversas, decisão que, no entendimento da AGU, caberia somente ao próprio STF, já que alguns dos interlocutores de Lula nas conversas interceptadas serem autoridades, como a presidente Dilma Rousseff e ministros, cujo foro na Justiça é exclusivamente no Supremo.
Na prática, como os áudios das escutas já foram divulgados, se o Supremo considerar que Moro agiu de modo indevido, o conteúdo pode ser desconsiderado como prova.
De acordo com a AGU, Moro colocou em risco a soberania nacional e os atos dele apresentam, segundo o governo, "vício de incompetência absoluta", uma vez que só o Supremo poderia ter divulgado os áudios. 
Paraa a AGU, as informações que "não têm a ver" com a investigação foram tornadas públicas de forma indevida.

Na Semana Santa, Lei Seca vai ser intencificada

A Operação Lei Seca deu início ao esquema de bloqueios nas rotas para quem vai passar as datas do feriado da Semana Santa no interior de Pernambuco ou no litoral. As equipes de fiscalização estarão até o fim do mês fiscalizando prioritariamente as cidades do Sertão e Agreste do estado, onde há concentração de eventos culturais e religiosos .Os municípios como Caruaru e Garanhuns recebem as blitzes até o dia 27 de março, Domingo da Paixão. O Agreste é o percurso para quem acompanha as encenações da Paixão de Cristo, em Brejo da Madre de Deus. O município sertanejo de Arcoverde também terá bloqueios e as atuações nas estradas ocorrerão em parceria com a Polícia Rodoviária Federal.
De acordo com o coordenador da Operação em Pernambuco, Luciano Nunes, os motociclistas são prioridade na abordagem por liderar números de mortos e acidentados no trânsito. No ano de 2015, foram 32.603 pessoas que se acidentaram por moto no estado..

domingo, 20 de março de 2016

Aécio Neves se torna o principal alvo da Lava Jato

O senador Delcídio do Amaral tem dito a fontes próximas que agora o senador Aécio Neves (MG), líder do PSDB, se tornou no principal alvo da Operação Lava Jato agora, segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.
Os investigadores estão atrás da oposição e querem "arrastar um peixe grande tucano", segundo o colunista, para não serem acusados de fazer uma investigação partidarizada, que busca incriminar somente o PT.
Ainda segundo a coluna, uma investigação em cima do senador seria uma forma de contrabalançar a operação e as acusações que a Operação vem sofrendo nos últimos dias.

Público se emociona na primeira apresentação da Paixão de Cristo

paixão de cristo
Na primeira apresentação da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, os artistas Igor Rickli, Bianca Rinaldi (Maria), Antonio Calloni (Herodes), Fiuk (Apóstolo João), Odilon Wagner (Pilatos) e Caroline Correa (Madalena) tiveram atuações impecáveis e emocionaram o público que acompanhou atentamente cada cena.

Mais de oito mil pessoas estiveram na estreia da temporada 2016 realizada na noite de ontem, sábado (19). O público foi um pouco maior que o do ano anterior. A plateia era formada por pessoas de todas as idades vindas de vários estados do Brasil e até de outros países. Mais de 50% já haviam assistido a encenação pelo menos uma vez, de acordo com pesquisa de opinião realizada com o público.

A maioria se deslocou até a Nova Jerusalém de ônibus ou vans de turismo que são disponibilizados por agências de viagens. Ofertas desses serviços podem ser encontradas a preços variados no Google ou facebook. Além disso, outra opção de transporte utilizada pelo público é automóvel de passeio, uma vez que as estradas que ligam a capital pernambucana à cidade-teatro é duplicada em sua quase totalidade oferecendo conforto o segurança para os viajantes.

A Paixão de Cristo vai até o próximo sábado (26). As entradas para o espetáculo, que estão à venda em agências de viagens, shoppings centers do Recife e Caruaru e também pelo site oficial (www.novajerusalem.com.br), custam de R$ 100,00 a R$ 140,00, dependendo do dia, com meia-entrada para estudantes, professores de Pernambuco e público de até 14 anos. Nas compras feitas pelo site, o valor do ingresso poderá ser parcelado em até 12 vezes nos cartões de crédito.

sábado, 19 de março de 2016

Ato pró-governo reúne milhares de pessoas no Recife

Do Diário de Pernambuco 

O ato convocado pela Frente Popular nesta sexta-feira, reuniu cerca de 200 mil pessoas, de acordo com seus organizadores. O grupo saiu em caminhada de três quilômetros do Derby até a Praça da Independência, no bairro de Santo Antônio. A manifestação ocorreu em clima tranquilo, e não foram registrados incidentes. A Polícia Militar estimou em 15 mil o número de manifestantes. 

O grupo exibiu bandeiras em defesa a programas sociais do PT e também de críticas ao juiz federal Sérgio Moro. Também marcaram presença movimentos sociais que fazem parte da Frente Popular. Em alguns momentos, os manifestantes receberam apoio de moradores do local, que chegaram a jogar papel picado e a aplaudir a movimentação. Por outro lado, houve também quem condenasse o ato, batendo panelas e gerando reação do grupo, que intensificou ainda mais seus cânticos de apoio ao governo.

Com a chegada do grupo na altura do Shopping Boa Vista, houve princípio de confusão. Uma equipe de filmagem ocupava a passarela e seguranças interditaram a passagem tanto dos manifestantes como dos clientes, provocando tumultos dentro do estabelecimento. De acordo com assessoria de imprensa do Shopping a passarela foi fechada para veículos de imprensa que solicitaram autorização prévia. 
Para um dos fundadores do Movimento Mangue Beat, Fred 04, a solução é ocupar as ruas. "O mais irritante são os meios de comunicação quando ficam indignados quando dizem que não vai ter golpe. Não vai ter golpe mesmo. Acho que é continuar na rua, a máscara do golpe na Justiça, Ministério Público, no Congresso, na mídia, caiu. Então a única arma que resta para os democratas, pra quem defende a democracia é ir pra rua", argumenta.

Presente no protesto, o vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira (PCdoB), criticou a atitude de Moro ao divulgar os grampos de Lula. "Os últimos acontecimentos, como a divulgação do áudio e a suspensão do posse de Lula só fortalecem os manifestos de hoje. Essas aberrações deixam mais clara a tentativa de golpe pela via jurídica. E desperta a consciência das pessoas a defender a democracia", disse.

Ministério Público ajusta atendimento pediátrico em Garanhuns‏‏


Convocados pelo Ministério Público de Pernambuco, através do Promotor de Justiça, Dr. Alexandre Bezerra, estiveram reunidos no último dia 08 de março, as Secretarias de Saúde do Estado e do Município de Garanhuns, para buscar soluções para o atendimento pediátrico nas unidades de saúde. O Secretário de Saúde, Alfredo Góis, representou a administração municipal, enquanto que a gestora da V GERES - Gerência Regional de Saúde, Catarina Tenório, e o diretor do Hospital Dom Moura, Luiz Melo, falaram pela Secretaria Estadual.

O gestor do HRDM apresentou os dados de atendimentos na pediatria do hospital, revelando um quadro de 77% de crianças de Garanhuns, com a absoluta maioria em situação de ambulatório, de responsabilidade do município. O Promotor Alexandre Bezerra, com a informação de que o CESMUC - Centro de Especialidades de Saúde da Mulher e da Criança, da gestão municipal, dispõe de pediatras diariamente, pactuou com os gestores presentes, que as crianças para atendimento ambulatorial, que dessem entrada no Hospital Dom Moura, seriam encaminhadas ao CESMUC, com acompanhamento de profissionais da instituição. E os casos de emergência, que recebem as pulseiras amarela e vermelha na pediatria no HRDM, devem ter atendimento no hospital ou na Rede de Saúde do Estado, através da regulação. Com isto, cada instituição estará cumprindo seu papel na assistência na Rede Pública de Saúde.

Com a decisão do Ministério Público, desafoga o atendimento pediátrico no Hospital Dom Moura, de forma imediata, já que a nova rotina de atendimento já teve início na última terça-feira, 15 de março.

O Hospital Regional Dom Moura, a V GERES e a Secretaria de Saúde do Estado, continuam com chamada aberta para pediatras que desejarem prestar seus serviços na unidade hospitalar, devendo para isto entrar em contato com a direção ou com a Secretaria Estadual.



Para saber mais:
HOSPITAL REGIONAL DOM MOURA
Diretor: Dr. Luiz R. Melo (87) 3761.8101

sexta-feira, 18 de março de 2016

Tropa de Choque retira manifestantes da Paulista

Informações do G1

Dois carros blindados da Tropa de Choque da Polícia Militar chegaram à Avenida Paulista às 8h30 desta sexta-feira (18) para retirar pequeno grupo de manifestantes contrário ao governo Dilma Rousseff e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que interditavam a via havia 39 horas.
Às 9h, os carros da polícia avançaram com jato d'água e retiraram os manifestantes que estavam em frente ao prédio da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. O protesto começou às 18h15 desta quarta-feira (16), segundo a Polícia Militar. Os policiais também usaram cerca de cinco bombas de gás lacrimogêneo. A PM não informou o total de manifestantes no protesto.
G1 não viu nenhuma pessoa ferida e o a Polícia Militar não tinha informação de feridos. Os manifestantes ficaram molhados e um grupo seguiu protestando na calçada. "Só quem está molhado pode opinar", disse manifestante sobre a permanência ou não do ato na calçada.
Lideranças afirmaram que a maioria votou para sair da avenida, mas alguns disseram que não iriam sair. O bloqueio de 39 horas provocou trânsito na região.
"A gente não quer, de forma alguma, entrar em conflito muito menos com manifestação petista muito menos com a PM, que tem sido muito coerente conosco. De acordo com a negociação feita com a PM e pelo bem estar de todos, eu concordo com a saída, porque todos temos direitos iguais nesse país, e eu retorno depois. A PM está agindo de forma muito coerente tanto com a nossa manifestação quanto com a manifestação petista. Ninguém quer entrar em conflito aqui", disse Bruno Balestrero, ator e empresário, sem movimento, antes da liberação.

quinta-feira, 17 de março de 2016

DER anuncia esquema de fiscalização durante Semana Santa

Visando reforçar a segurança dos motoristas que transitarem pelas principais rodovias do Estado durante a Semana Santa, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), realizará a Operação Semana Santa, em conjunto com o Batalhão do Polícia Rodoviária, Polícia Rodoviária Federal, DETRAN, Operação Lei Seca, Polícia Militar de Pernambuco, ANTT e autarquias municipais de trânsito, entre os dias 18 e 27 de março.

Operação Semana Santa 2016 contará com 60 agentes que atuarão, principalmente, na prevenção de acidentes, na fluidez do trânsito e na intensificação da fiscalização. Além disso, o DER, em parceria com a Operação Lei Seca, realizará ações pontuais durante o período de festividades, nas principais rodovias do Estado. A operação também contará com o monitoramento das principais rodovias do Estado, e o serviço de ouvidoria itinerante.

Durante as festividades, as principais rodovias deverão ter um aumento de 40% no fluxo de veículos nos dias mais movimentados. Destaques para a BR-232,  principal rota durante o feriado prolongado, onde o fluxo pode chegar até 45mil veículos, nos dias de maior movimentação.  Na PE-035, que leva ao Litoral Norte e ao Estado da Paraíba, e na PE-060, que liga ao Litoral Sul e Alagoas, o fluxo pode chegar a 30 mil veículos diários.

CENTRAL DE COMANDO – Em parceria com o Centro Integrado de Comando e Controle Regional de Pernambuco (CICCR), da Polícia Militar, O DER estará monitorando as principais rodovias do Estado, por meio de câmeras de monitoramento, posicionadas na BR-232, e também na PE-145, que dá acesso ao Espetáculo.
OUVIDORIA ITINERANTE – Com a missão de estreitar a comunicação junto à população, o DER-PE disponibilizará no Pátio de Eventos, um local onde as pessoas poderão dar sugestões, tirar dúvidas e fazer reclamações.

COMUNICAÇÃO - Além das equipes de trânsito, o DER disponibilizará um ponto fixo onde será realizado todo o monitoramento das rodovias. As informações serão disponibilizadas nas redes sociais e veículos de comunicação, com boletins a cada 30 minutos, durante o dia, e flashs in loco, com as situações das estradas.  O objetivo é facilitar a vida do motorista, que poderá optar por rotas alternativas, evitando possíveis congestionamentos.
FISCALIZAÇÃO – Durante os 10 dias do evento em Fazenda Nova, equipes de fiscalização de trânsito estarão realizando uma ação que terá como principal objetivo, vistoriar e trazer segurança aos condutores.

Transporte Coletivo – Através de uma campanha educativa implantada este ano pelo DER em conjunto com Operação Lei Seca, com objetivo de conscientizar os motoristas de transportes coletivos, serão realizadas abordagens aos veículos de fretamento e turismo.  Educadores de trânsito estarão realizando palestras no pátio de eventos da Paixão de Cristo, em Fazenda Nova. A ação consiste em conscientizar os condutores destes veículos, sobre a importância e responsabilidade da função que eles exercem.
O DER também realizará durante todos os dias da Operação Semana Santa, uma fiscalização específica aos veículos de transporte coletivo, visando reforçar a segurança dos usuários e evitar acidentes. As abordagens acontecerão no Pátio de Estacionamento destes veículos, em Fazenda Nova, onde serão verificadas as situações dos veículos.


Lombadas eletrônicas – Visando facilitar a fluidez do trânsito nas rodovias mais procuradas durante o feriadão santo, o DER vai manter desligadas algumas lombadas eletrônicas. Os equipamentos serão desligados às 22 horas da próxima quarta-feira (23) e religados somente às 5 horas da segunda-feira (28).

MATERIAL – Todas as equipes envolvidas na operação estarão trabalhando com um material educativo. Uma forma de levar conscientização a todos os condutores e pedestres que trafegam pelas vias.
             
LITORAIS - Equipes do DER, em parceria com o BPRv,  atuarão na fluidez do trânsito e na segurança dos pedestres. As principais rodovias serão monitoradas e as informações sobre o tráfego das vias serão repassadas aos usuários através das divulgações nas redes sociais

PSD realiza ato de filiação em municípios do Agreste ao Sertão pernambucano

Buscando se fortalecer para as eleições de outubro, o Partido Social Democrático (PSD), presidido, em Pernambuco, pelo deputado federal André de Paula, realizará atos de filiação em vários municípios pernambucanos, a partir da noite desta quarta-feira, 16, até o próximo sábado, 19.

O primeiro da lista é o município de Canhotinho – no Agreste do Estado, distante 210 quilômetros do Recife. O ato, que contará com a presença do governador Paulo Câmara, formalizará a filiação do deputado Álvaro Porto e marcará também o ingresso do prefeito Felipe Porto, de vereadores e de lideranças locais ao PSD.

E não para por aí. “Visitaremos municípios do Agreste ao Sertão do Estado. Amanhã (quinta-feira, 17), estaremos em Afogados da Ingazeira, no Sertão do Pajeú, com o prefeito José Patriota, filiando os vereadores Igor Mariano e Franklin Nazário, que se somam ao nosso vereador Cícero Miguel, e outras lideranças”, antecipa o deputado.

Na sexta-feira, 18, a caravana do PSD desembarca em Custódia (Sertão do Moxotó), a 335 quilômetros do Recife, para filiar Manuca, vice-prefeito e pré-candidato à prefeitura da cidade, e grupo político liderado por ele. “Águas Belas, Paranatama e Tacaimbó serão os próximos municípios que visitaremos durante todo o sábado, 19, para visitar companheiros e promover filiações”, acrescenta André de Paula.

quarta-feira, 16 de março de 2016

Lula diz a Dilma que não precisa de foro especial

'Não preciso disso'
Durante o jantar, Lula não escondeu o incômodo com notícias dando conta de que ele quer entrar no governo para fugir do juiz Sérgio Moro. "Eu não preciso disso, a esta altura da vida", disse o ex-presidente. "Minha defesa eu mesmo faço."
Se for para o ministério, Lula ganha foro privilegiado de julgamento. Isso significa que, em caso de denúncia criminal, uma ação contra ele terá de ser julgada pelo Supremo Tribunal Federal, saindo da alçada de Moro, que conduz a Operação Lava Jato na primeira instância.
Lula é alvo da Lava Jato e, além disso, Moro será o encarregado de decidir se aceita ou não o pedido de prisão preventiva contra ele, apresentado pelo Ministério Público de São Paulo, que o acusa de ocultar um tríplex no Guarujá, reformado pela OAS. O ex-presidente nega a propriedade desse imóvel e também de um sítio em Atibaia, que recebeu benfeitorias de empresas investigadas no esquema na Petrobrás.
A delação premiada do ex-líder do governo no Senado Delcídio Amaral (PT-MS), homologada nesta terça-feira pelo Supremo Tribunal Federal, também ajudou Lula a hesitar no convite para assumir a Secretaria de Governo.
Nos depoimentos à Procuradoria Geral da República, Delcídio citou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e disse que ele teria tentado comprar o seu silêncio. Mercadante negou. Além disso, o senador apontou o dedo para Lula e afirmou que o ex-presidente "teve participação em todas as decisões relativas às diretorias das grandes empresas estatais, especialmente a Petrobrás".
Delcídio disse ainda que Lula sempre foi muito próximo de todos os tesoureiros do PT e que, "com o advento da Operação Lava Jato, continuou a adotar o mesmo comportamento evasivo visto durante a crise do mensalão."
Em conversas reservadas, auxiliares de Dilma afirmam que, mesmo sem provas, a delação de Delcídio preocupa o governo e pode ter forte impacto sobre o processo de impeachment

Upae Garanhuns oferece consultas e exames na área de Gastroenterologia‏

A UPAE Garanhuns oferece diariamente consultas na área de Gastroenterologia, especialidade médica que cuida de órgãos como boca, esôfago, estômago, vesícula biliar, pâncreas, fígado e intestinos. 

Para este atendimento a UPAE dispõe de três médicos, para consultas e exames específicos: Dr. Alyson Amaury, Dra. Cínthia Sarmento e Dr. Heraldo Cordeiro. 

Além das consultas médicas, a unidade de saúde oferece exames laboratoriais e os específicos para o diagnóstico  de doenças do aparelho digestivo, como endoscopia digestiva alta, o famoso "exame da borracha" e a colonoscopia. Com isso diagnósticos como gastrites, esofagites, refluxo, pólipos intestinais, presença da bactéria H. Pylori, que pode causar inclusive câncer gástrico, são realizados de forma rápida e confiável, uma vez que a UPAE dispões dos equipamentos mais modernos da atualidade. Ainda é possível, através dos exames, o diagnóstico precoce dos cânceres do aparelho digestivo, com possibilidade de cura nestes casos. 

O gestor da UPAE Garanhuns, Gustavo Amorim, afirma que a especialidade de Gastroenterologia é uma das prioridades da unidade: "Ao implantar a primeira UPAE do estado, a Secretaria de Saúde de Pernambuco, buscou especialidades que precisavam ser oferecidas com amplo serviço, devido à demanda regional. Desde que iniciamos, há quase três anos, temos sempre a escala dos médicos preenchida e a oferta deste atendimentos atingindo pacientes dos 21 municípios da nossa região".



Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE