sábado, 7 de março de 2015

Dengue sobe 150% em PE

O estado de Pernambuco registrou 3.571 casos da dengue em 115 municípios, sendo 481 confirmações, entre os dias 4 de janeiro e 21 de fevereiro. Isso representa um crescimento de 150,60% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram notificados 1.425 casos. A época propícia para a proliferação das larvas dos mosquitos aedes aegypti.
Dentre os dez principais focos da doença, oito estão espalhados pelo Agreste e Sertão do estado, como Custódia, com 314,90 infectados por 100 mil habitantes, considerado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) como alta incidência. Inajá, Sertânia, Ibimirim, Surubim, Frei Miguelinho e São José do Egito também estão na lista de municípios em alerta. Passira é o que apresenta a menor incidência: a cada 100 mil moradores, 93 apresentaram a doença.
O mosquito também transmite a febre chikungunya, mas ainda não há registro da doença em Pernambuco. Dos 48 quadros sob suspeita, 39 já foram descartados, dando positivo para dengue, e nove seguem em investigação. Segundo a SES-PE, todas as quatro confirmações do ano passado eram pessoas que vieram de outros estados brasileiros.
Como parte do Plano de Contingência da Chikungunya e da Dengue, as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e postos de saúde são responsáveis por realizar o primeiro atendimento e encaminhar o paciente para a unidade que tenha o perfil adequado a cada necessidade. A SES-PE aconselha que as instituições sejam procuradas imediatamente em casos de suspeita.

fonte G1 caruaru

Nenhum comentário:

Postar um comentário