sexta-feira, 3 de maio de 2013

Morre Nado, último jogador do Náutico na Seleção antes de Douglas Santos

Simone Vilar/Divulgacao

Na manhã desta sexta-feira, um adeus para a torcida do Náutico. A família de Nado, um dos integrantes do hexacampeonato alvirrubro, anunciou o falecimento do ex-atacante alvirrubro. A morte aconteceu durante a madrugada e ainda não teve sua causa divulgada. Nado tinha 75 anos.

José Rinaldo Tasso Lassálvia fez sucesso na década mais marcante da história do Timbu. Em 1966, em meio à trajetória que levaria o clube a sua maior conquista da história - o hexacampeonato-, Nado foi convocado para a Seleção Brasileira para as últimas partidas antes da Copa do Mundo da Inglaterra. Contudo, acabou sendo cortado antes da disputa do mundial. Ele ainda passou por Vasco, Olaria, Fortaleza e Ceará.
No começo deste ano, Nado voltaria a ser assunto no futebol pernambucano. Isso porque Douglas Santos repetia seu feito depois de 47 anos. O ex-atancante se encontrou com olateral elhe aconselhou: "Chegue lá e jogue sua bola. Não tenha medo e nem se intimide. Vá olhando cara a cara para o adversário".
O Náutico declarou luto e ofereceu a sede do clube para a realização do velório. Ainda, o Timbu fará homenagens a Nado durante a disputa do terceiro lugar do Campeonato Pernambucano, no sábado, às 16h. Contra o Ypiranga, no estádio Luiz José de Lacerda, em Caruaru, o alvirrubro entrará em campo com uma faixa em homenagem ao ex-atleta e todos os jogadores usarão fitas pretas no braço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário