sexta-feira, 22 de março de 2013

José Serra: "candidatura de Eduardo Campos é boa para o Brasil"


O ex-governador de São Paulo José Serra é só elogios ao presidenciável do PSB, o governador Eduardo Campos. Após se reunir secretamente com o socialista, na última sexta-feira (15), o tucano declarou ao jornal Folha de S. Paulo nesta sexta-feira (22) que a candidatura de Campos à Presidência da República nas eleições de 2014 seria “boa para o Brasil e boa para a política” brasileira.
A declaração de Serra é uma sinalização de que sua saída do PSDB é um projeto possível. O tucano luta para conquistar a presidência do partido, mas a cúpula já adiantou que o senador de Minas Gerais e também presidenciável Aécio Neves deve suceder o deputado federal Sérgio Guerra no comando da legenda.
José Serra recebeu um convite do deputado federal Roberto Freire, que preside nacionalmente o PPS, para se filiar ao partido. O projeto inicial é que Serra seja candidato ao governo de São Paulo pela legenda pós-socialista. Roberto Freire mudaria de domicílio eleitoral e sairia candidato a deputado federal por Pernambuco. Roberto teria o apoio de Eduardo Campos, que em troca, exigiria que o partido apoiasse seu projeto nacional. O PPS também iniciou uma fusão com o PMN. A ideia, inclusive, é dar uma nova roupagem aos dois partidos, que deverão, com a fusão, ganhar um novo nome.

Nenhum comentário:

Postar um comentário